terça-feira, 30 de junho de 2015

O Mês em Resumo: Novas prisões na Lava Jato, casamento gay é aprovado nos EUA, seleção volta a decepcionar e Cristiano Araújo divide o país com sua morte

O quadro O Mês em Resumo traz os principais fatos que marcaram o mês de junho.


Em mais uma fase da Operação Lava Jato a Polícia Federal prende os presidentes das empreiteiras Andrade Gutierrez e Odebrecht. As prisões de Marcelo Odebrecht e Otávio Azevedo colocam a Operação a um passo de chegar ao topo. Isso levou o PT a entrar em desespero, principalmente o ex-presidente Lula que fez duras críticas ao partido que segundo ele está no volume morto. Pra piorar matéria da revista Veja publica a delação de Ricardo Pessoa, dono da UTC que revela a lista de quem se beneficiou com o esquema.


O Tribunal de Contas da União intima a presidenta Dilma Rousseff a explicar as tais pedaladas fiscais cometidas no ano passado, ou seja, se cometeu alguma irregularidade com o dinheiro público.



Numa decisão histórica o STF derrubou de forma unânime a exigência de autorização prévia para publicação de biografias.



O banco HSBC anuncia o fim de suas atividades no Brasil e culpa o cenário negativo da economia para tal decisão. Ainda na economia as notícias não foram boas. Os índices de desemprego aumentam e os economistas já consideram esse ano como perdido.

Negociações entre a Grécia e seus credores não tiveram sucesso (Foto: Alkis Konstantinidis/Reuters)

A Grécia entra em moratória ao não saldar uma dívida de € 1,6 bilhão com o FMI. O país entrou em colapso e foi decretado feriado bancário. O referendo pode ser suspenso.





Intolerância por toda parte. No Brasil houve o caso de Kayllane Campos, apedrejada quando saía de um culto do candomblé. Teve também uma discussão entre o jornalista Ricardo Boechat e o pastor Silas Malafaia. Nos Estados Unidos Dylann Roof invadiu uma igreja frequentada por negros e matou nove pessoas.



Ainda nos Estados Unidos foi aprovada a legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo. Por 5 x 4 a lei foi aprovada e bastante comemorada pelos americanos.



Num ataque simultâneo o Estado Islâmico volta a colocar suas garras e em três países houve ataques. Na França um funcionário de uma fábrica de gás foi decapitado, na Tunísia dois atiradores abriram fogo contra turistas e banhistas com saldo de 37 mortos e no Kuwait uma mesquita foi invadida e 25 pessoas morreram.





O Barcelona conquista pela quinta vez a UEFA Champions League com grande atuação de Neymar que marca o gol que sacramentou o título.



Joseph Blatter renuncia ao mandato de presidente da Fifa por conta das denúncias de corrupção que manchou a credibilidade da entidade.



Menos de um ano depois de tomar de 7 da Alemanha a seleção brasileira volta a decepcionar o torcedor. Numa campanha pífia a seleção de Dunga é eliminada nos pênaltis pelo Paraguai, o mesmo adversário de 2011. A campanha da seleção na Copa América do Chile é decepcionante: vitória de virada sobre o Peru com gol no último lance, derrota para a Colômbia, vitória no sufoco diante da Venezuela e eliminação para o Paraguai. Neymar pegou quatro jogos de suspensão e terá de cumprir pena nos dois primeiros jogos das Eliminatórias que começam em outubro.



Depois de ser defenestrado da Fórmula 1 e recomeçar sua carreira nos Estados Unidos, Nelsinho Piquet se torna o primeiro campeão da Fórmula E, a categoria dos carros elétricos. O título vem com um sétimo lugar na etapa final e um ponto de vantagem sobre o suíço Sebastién Buemi.



O ator Christopher Lee ficou notabilizado na tela do cinema por dar vida ao vampiro Drácula e atuar em mais de 250 filmes. Christopher Lee morre no dia 7 aos 93 anos.



O alemão Horst Brandstätter foi criador dos bonecos Playmobil que venderam mais de 2 bilhões de unidades em todo mundo. Ele morre no dia 3 aos 81 anos.



O letrista Fernando Brant criou na década de 60 o Clube da Esquina, mas ficou famoso com sua parceria com o cantor Milton Nascimento. Foi autor de clássicos da MPB como Travessia, Canção da América e tantas outras. Há três anos sofria de câncer no fígado e no dia 12 morre depois de ter complicações de um transplante de órgãos aos 68 anos.



Conhecido como o Rei da Soja, Olacyr de Moraes integrou a lista de bilionários da revista Forbes muito jovem, nos anos 80 se tornou o maior produtor individual do grão. Nos anos 90 o negócio entrou em declínio e ele teve de vender quase todo o seu patrimônio, ao mesmo tempo se divorcia e passa a frequentar a vida noturna cercado de mulheres mais jovens. No dia 16 ele morre aos 84 anos em decorrência de um câncer no pâncreas.





Volante contemporâneo de Pelé, Zito fez parte do esquadrão do Santos que foi bicampeão mundial interclubes e com a camisa da seleção brasileira foi bicampeão mundial tendo marcado gol na final de 62 no Chile. Foi o grande responsável pela descoberta de dois talentos surgidos na Vila Belmiro: Robinho e Neymar. No dia 14 Zito morre aos 82 anos. No dia 22 morre Luiz Carlos Nunes da Silva, o Carlinhos. Apelidado de Violino foi idolo no Flamengo e mostrou elegância nos gramados jamais sendo expulso de campo. Como treinador foi bicampeão brasileiro, campeão da Copa Mercosul e tricampeão carioca dirigindo o Flamengo.



O americano James Horner fez suas composições para o cinema e com o filme Titanic ganhou dois Oscars. No dia 22 um avião modelo turbohélice pilotado por ele mesmo caiu e não resistiu aos ferimentos.



Cristiano Araújo era um dos novos ídolos da música sertaneja universitária, mas desconhecido da maioria do povo brasileiro. A comoção nacional que tomou conta do país por conta de sua morte precoce nos faz entender a divisão cultural no Brasil. Numa curva ascendente que vem desde 2011 o cantor vinha conquistando o público e na madrugada do dia 24 o carro em que ele viajava capotou em uma estrada no interior de Goiás. A sua namorada Allana Morais morreu na hora. Ele ainda foi levado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu aos 29 anos.

O mês ainda teve as mortes de Leônidas Pires Gonçalves, ex ministro do Exército no governo de José Sarney, o saxofonista Ornette Coleman, o político Paes de Andrade, a atriz Laura Antonelli e o estudioso das tradições gaúchas Antônio Augusto Fagundes.

Em julho tem mais retrospectiva mensal.

segunda-feira, 29 de junho de 2015

A decadência de uma seleção desbotada e sem identidade

Dunga Brasil x Paraguai Copa América 2015 (Foto: Ag. Estado)

Não tem menos de um ano que escrevi aqui logo após a melancólica reta final da Copa do Mundo em casa que era hora de reconstruir o futebol brasileiro. Temia pela decadência da seleção, mas a tão prometida renovação se transformou em uma deterioração rápida de um patrimônio nacional. A seleção brasileira que um dia foi motivo de orgulho hoje é um time sem identidade. Um futebol irregular e atuações que tiram o sono do torcedor, principalmente agora na Copa América. É triste dizer isso, mas é a realidade. Nosso futebol vai ficando cada vez mais pra trás. E a CBF deu voto de confiança ao Dunga dizendo que o trabalho está sendo bem feito. Afinal, em que mundo a CBF vive? O torcedor anda impaciente com a bolinha que a nossa seleção vem jogando ainda mais depois do infame 7 x 1 diante da Alemanha naquela maldita semifinal que implodiu todo esse processo degradante. Vem aí as eliminatórias e se continuar assim corremos o sério risco de pela primeira vez ficarmos de fora de uma Copa do Mundo, e se isso acontecer vai ser a pá de cal de um processo destrutivo implantado por corruptos que usaram a seleção como balcão de negócios. Esse é meu desabafo como torcedor, espero que isso não aconteça.

domingo, 28 de junho de 2015

Palmeiras humilha o São Paulo, Vasco vence a primeira e Sport termina mais uma rodada na liderança

O Brasileirão segue equilibrado e quem agradece é o Sport numa rodada em que o Palmeiras humilhou o São Paulo e o Vasco finalmente venceu uma.

Bruno Cantini/Divulgação



Galo bate o Joinville no maior público deste Brasileirão

No maior público do campeonato até agora mais de 55 mil pessoas no Mineirão empurraram o Atlético Mineiro a quebrar a tranca que o Joinville armou para vencer o jogo. O zagueiro Leonardo Silva marcou o gol que colocou o Galo na vice liderança do torneio.

Fábio Leone/Ponte Press, Nelson Perez/Divulgação e Jonathan Campos/Gazeta do Povo





Vinícius corre para comemorar o gol de Wagner Nelson Perez / Fluminense

Ponte e Fluminense viram pra cima de Atlético Paranaense e Furacão e Coritiba derrota o Cruzeiro

Em Campinas a Ponte Preta conseguiu uma virada sensacional pra cima do Atlético Paranaense com Biro Biro se destacando com duas assistências para os gols de Renato Cajá e Felipe Azevedo. No Serra Dourada o Fluminense virou pra cima do Goiás mesmo com dois jogadores a menos e é o terceiro colocado na tabela. O Coritiba bateu o Cruzeiro por 1 x 0 no Couto Pereira e mesmo assim não sai da zona de rebaixamento.

Ricardo Nogueira/Folhapress e Alex Silva (2)/AE



Alex Silva/Estadão



Palmeiras goleia São Paulo e desencanta no campeonato

O Palmeiras deu um banho de bola no São Paulo no Allianz Parque goleando por 4 x 0 na primeira vitória sob o comando de Marcelo Oliveira. Os gols foram marcados por Leandro Pereira, Victor Ramos, Cristaldo e Rafael Marques.

Diego Vara/ZH, Buda Mendes/Getty Images e Jorge William/Ag. O Globo 



 Foto: Buda Mendes / Getty Images



Inter derrota o Santos e Vasco sai da zica, vence o Flamengo mas não sai da zona de risco

No Beira Rio o Inter venceu o Santos com gol de Valdívia e sobe na tabela. E na Arena Pantanal pouco mais de 14 mil pessoas foram assistir à vitória do Vasco sobre o Flamengo na estreia de Celso Roth. O gol da partida foi marcado por Riascos.

Situação depois de 9 rodadas disputadas:

  • Libertadores: Sport, Atlético Mineiro, Fluminense e São Paulo;
  • Série B: Flamengo, Coritiba, Vasco e Joinville.

Kyle Busch desencanta e vence pela primeira vez no ano

Get Rowdy



Get Rowdy



A estratégia de parar no fim em um pit stop arriscado funcionou e Kyle Busch foi passando um a um até ultrapassar Jimmie Johnson que não entrou nos pits e arrancou pra vencer sua primeira corrida no ano e também a primeira depois que se tornou pai de um menino. Logo atrás veio o irmão mais velho Kurt Busch. Fecham os cinco primeiros em Sonoma Clint Bowyer, Kevin Harvick e Joey Logano. Harvick mantém a liderança do campeonato que prossegue no próximo domingo com a etapa de Daytona no fim de semana do 4 de julho, o dia da independência americana.

Marcos Gomes e Valdeno Brito vencem em Santa Cruz do Sul e Cacá Bueno é o novo líder

Daniel Serra, Valdeno Brito e Cacá Bueno Stock Car Santa Cruz do Sul (Foto: Duda Bairros)



Cacá Bueno obteve dois bons resultados para assumir a liderança da temporada 2015 da Stock Car. Hoje em Santa Cruz do Sul o pentacampeão chegou em sexto na primeira bateria e segundo na segunda corrida. Marcos Gomes levou a primeira bateria aliando pilotagem agressiva e excelente estratégia para vencer pela primeira vez no ano. A segunda bateria foi vencida por Valdeno Brito que havia largado na pole e teve problemas com o defletor, mas segurou Cacá Bueno e também desencantou na temporada. A próxima corrida será disputada no dia 2 de agosto em Curitiba.

1ª corrida:
1 - Marcos Gomes - Voxx Racing Team - Peugeot - 34 voltas em 48:30.960
2 - Allam Khodair - Full Time Sports - Chevrolet - a 4.180
3 - Rubes Barrichello - Full Time Sports - Chevrolet - a 5.226
4 - Ricardo Maurício - Eurofarma RC - Chevrolet - a 5.838
5 - Max Wilson - Eurofarma RC - Chevrolet - a 12.427
6 - Cacá Bueno - Red Bull Racing - Chevrolet - a 15.983
7 - Denis Navarro - Vogel Motorsport - Chevrolet - a 17.027
8 - Valdeno Brito - Shell Racing - Chevrolet - a 17.388
9 - Gabriel Casagrande - C2 Team - Chevrolet - a 17.612
10 - Daniel Serra - Red Bull Racing - Chevrolet - a 17.881
2ª corrida:

1 - Valdeno Brito - Shell Racing - Chevrolet - 19 voltas em 29:34.168
2 - Daniel Serra - Red Bull Racing - Chevrolet - a 0.532
3 - Cacá Bueno - Red Bull Racing - Chevrolet - a 0.839
4 - Max Wilson - Eurofarma RC - Chevrolet - a 1.388
5 - Marcos Gomes - Voxx Racing Team - Peugeot - a 1.670
6 - Ricardo Mauricio - Eurofarma RC - Chevrolet - a 5.982
7 - Gabriel Casagrande - C2 Team - Chevrolet - a 6.225
8 - Cesar Ramos - Cavaleiro Racing Sports - Peugeot - a 6.430
9 - Allam Khodair - Full Time Sports - Chevrolet - a 12.494
10 - Thiago Camilo - Ipiranga-RCM - Chevrolet - a 13.371

Nelsinho Piquet é o primeiro campeão da história da Fórmula E



Nelsinho Piquet Fórmula E (Foto: Reprodução Facebook)

Foi por um ponto, um mísero ponto que Nelsinho Piquet se sagrou campeão mundial da Fórmula E, a categoria dos carros elétricos que chegou pra ficar. E a prova decisiva em Londres foi eletrizante, no sentido da palavra. Nelsinho saiu de 16º e foi galgando degraus até ultrapassar Salvador Duran e conseguir a oitava posição, resultado suficiente pra levar o caneco. Ah, ia me esquecendo e teve ajuda de Bruno Senna que segurou bravamente o ímpeto de Sebastién Buemi para garantir o título ao compatriota. No final a diferença entre Piquet e Buemi foi de apenas um ponto. A vitória na última corrida foi de Sam Bird que herdou o triunfo devido à punição de 30 segundos de Stéphane Sarrazin por ter acabado a bateria. Para Nelsinho esse é o título pra superar de vez todo o escândalo que o queimou na Fórmula 1 ao se envolver na sujeira da China 2008 quando bateu propositadamente pra ajudar Fernando Alonso e prejudicar Felipe Massa, foi pros Estados Unidos, correu na NASCAR, inclusive vencendo corridas na Truck Series e Nationwide, chegou a correr na Sprint Cup, veio pra Fórmula E de última hora e depois de uma primeira metade ruim, cresceu, venceu duas corridas e hoje conquista um título para o sofrido automobilismo brasileiro. Nossos parabéns à Nelsinho Piquet, campeão da Fórmula E.

A Bela do Domingo: Janice de Castro

O quadro A Bela do Domingo de hoje traz a jornalista Janice de Castro.



Mineira de Patrocínio, Janice de Castro é graduada em jornalismo pela Unicentro de Belo Horizonte desde 2002. Sua carreira iniciou como repórter na TV Universitária.








[OgAAABEdkzmdp6FniMU_En7SHcowc6mHiVysNI0FAQh8M5RRwY1Do5fyujeaZF_ivKzIEamn2gvLvBtOKiVfxc1yg00Am1T1UA5mrzH6lFcBBvAOcuD3h9xg387F.jpg]

Em 2005 veio para Brasília quando foi contratada pela TV Record Centro Oeste. Foi repórter e apresentadora do Esporte Record até 2010 quando se mudou pra São Paulo onde é uma das repórteres do Esporte Fantástico. Torcedora do Atlético Mineiro ela é vista por muitos como uma das mais jornalistas esportivas mais lindas do país.

Semana que vem tem mais.

sábado, 27 de junho de 2015

Sport se mantém na ponta, Grêmio entra no G4 e Corinthians se vinga do Figueirense no Itaquerão

Três jogos abriram neste sábado a nona rodada do Brasileirão e temos mudança no G4 com a entrada do Grêmio.

Cristiano Estrela e Sirli Freitas/Ag. RBS e Alex Silva/AE





Alex Silva/Estadão

Grêmio vence Avaí, Chapecoense empata com Sport e Corinthians vence o Figueirense

Na Ressacada o Grêmio precisou de apenas 36 segundos para abrir o placar diante do Avaí no gol relâmpago de Pedro Rocha, ainda na primeira etapa Luan cobrando falta ampliou a vantagem gremista. O Avaí descontou no segundo tempo com Anderson Lopes. A vitória de 2 x 1 colocou o time gaúcho no G4. O líder Sport acabou empatando com a Chapecoense na Arena Condá. O time pernambucano saiu na frente com Rithelly, mas o time da casa empatou com Bruno Rangel, o artilheiro da Série B de 2013, mas que não vinha atuando bem. O Leão se mantém líder, mas pode perder a liderança caso o São Paulo vença o clássico contra o Palmeiras. No Itaquerão o Corinthians se vingou do Figueirense, adversário que batizou a Arena Corinthians no ano passado e venceu o jogo por 2 x 1, gols de Vágner Love e Jadson com Thiago Santana descontando. Neste domingo a rodada será completada com mais sete jogos.