Pesquisa

Primeiro domingo do Brasileirão com jogo adiado e queda do campeão com nó tático de Sampaoli

O primeiro domingo do Brasileirão teve jogo adiado e derrota do campeão na estreia com direito à nó tático.

André Durão/globoesporte.com e Divulgação

O atual campeão Flamengo estreou o técnico catalão Domènec Torrent, mas saiu do Maracanã derrotado. O Atlético Mineiro mostrou ousadia graças à uma arapuca armada por Jorge Sampaoli e o time aos poucos envolveu o Flamengo dando um nó tático com aplicação e proposta de jogo. O Flamengo sentiu a falta de ritmo e os jogadores jogaram abaixo do esperado. O Galo por sua vez provou porque é um dos postulantes ao título e a vitória veio graças à um gol contra de Filipe Luís que fez aniversário e deu um presente de grego à torcida. A bola cruzada por Guilherme Arana parou nos pés do lateral que jogou contra o patrimônio. Foi a primeira derrota do Flamengo no Maracanã desde 2018. Pela impressão inicial Dome terá muito trabalho pra corrigir as falhas defensivas da equipe, por outro lado Sampaoli tem tudo pra fazer o que fez ano passado quando dirigiu o Santos transformando um time razoável numa equipe vice campeã. 

E em meio à pandemia que já matou mais de 100 mil brasileiros a Covid- 19 ocasionou o primeiro adiamento. O jogo entre Goiás e São Paulo foi adiado por determinação da CBF, pois o Goiás teve 10 jogadores que testaram positivo pra Covid-19 e depois confirmado pela contraprova. O time do São Paulo chegou a entrar no gramado do estádio da Serrinha, mas a partida foi adiada e será remarcada. E também tivemos jogo adiado na Série C, pois a partida entre o Treze da Paraíba e o Imperatriz foi adiada pois 12 jogadores do time maranhense testaram positivo pra Covid-19. 

Ivan Storti/Santos e Ari Ferreira/Bragantino



Na Vila Belmiro Cuca estreou como técnico do Santos mas não saiu de campo vencedor. O Peixe chegou a perder pênalti com Carlos Sanchez no primeiro tempo, mas Marinho com seu famoso minimíssil aleatório abriu o placar, mas perto do fim da partida o Bragantino empatou com Claudinho mostrando que dará muito trabalho na sua volta à elite.

Félix Zucco/RBS e Eduardo Moura/globoesporte.com

Na Arena do Grêmio o Imortal venceu o Fluminense com gol de Diego Souza que foi revelado no tricolor provando mais uma vez a eficácia da lei do ex. O jogo foi bastante disputado e as duas equipes buscaram o gol o tempo todo. No Grêmio destaque pra Vanderlei que fechou o gol dando mostras de que a equipe dirigida por Renato Gaúcho também vem forte pra brigar pelo título deste ano.

E hoje pela Série B uma partida fechou a rodada. Oeste e Chapecoense ficaram no 0 x 0. Como quatro jogos foram adiados não colocaremos ainda aquela classificação costumeira. 

Kevin Harvick vence de novo e varre o fim de semana de Michigan



O fim de semana foi todo dele. Kevin Harvick voltou a dominar e neste domingo em batalha com Denny Hamlin nas voltas finais venceu a segunda corrida de Michigan e chegou à sua sexta vitória no ano. Os cinco primeiros em Michigan: Kevin Harvick, Denny Hamlin, Martin Truex Jr, Kyle Busch e Joey Logano. O campeonato chega à fase crítica de definição do playoff e Harvick já está assegurado junto de Hamlin, Brad Keselowski, Joey Logano, Chase Elliott, Alex bowman, Ryan Blaney, Martin Truex Jr, Austin Dillon e Cole Custer pois venceram corridas na temporada. Aric Almirola, Kurt e Kyle Busch, Matt diBenedetto, Clint Bowyer e William Byron entrariam na disputa pelos pontos somados e na bolha estão Jimmie Johnson, Bubba Wallace, Erik Jones e Tyler Reddick. Faltam quatro provas pro fim da temporada regular e a próxima será domingo que vem no circuito misto do Daytona International Speedway.

Antônio Félix da Costa é campeão e equipe DS Techeetah faz festa com dobradinha e título por equipes

A equipe DS Techeetah fez a festa na quarta corrida das seis em Berlim e com dobradinha. A vitória foi de Jean Eric Vergne e o segundo lugar e título antecipado pro português Antônio Félix da Costa. O pódio foi fechado por Sebastién Buemi, ou seja três campeões da categoria nos três primeiros postos da prova. Além do título de pilotos a DS Techeetah levou o bicampeonato por equipes. Dos brasileiros, Lucas di Grassi chegou em sexto, Felipe Massa terminou no Top 10 da prova chegando em 10º e Sérgio Sette Câmara foi o 21º colocado. A categoria retorna na quarta com a penúltima etapa e encerra o campeonato na quinta.

Max Verstappen vence o GP dos 70 anos da Fórmula 1 com estratégia eficaz


Na corrida comemorativa dos 70 anos da Fórmula 1 a festa foi holandesa. Com um excelente plano de corrida e uma estratégia eficiente na escolha dos pneus Max Verstappen venceu a prova e chegou a nona vitória da carreira. O inglês Lewis Hamilton mostrou garra e no fim ultrapassou o companheiro  Valtteri Bottas para chegar em segundo com Bottas em terceiro. Charles Leclerc tirou o máximo do carro e levou a capenga Ferrari ao quarto lugar e Sebastian Vettel chegou a cair pra último e terminou a prova apenas em 12º. Com o pódio de hoje Lewis Hamilton igualou em pódios a marca de Michael Schumacher e agora ambos tem 155. O campeonato da Fórmula 1 segue no domingo que vem com o Grande Prêmio da Espanha no circuito da Catalunha.

Resultado final do GP dos 70 anos da Fórmula 1 — Foto: Reprodução/FOM

A Bela do Domingo: Carla Prata

O quadro A Bela do Domingo de hoje traz Carla Prata.


Nascida em 27 de julho de 1981 Carla Prata é modelo e dançarina. Durante três anos foi uma das bailarinas do Domingão do Faustão e teve experiências como repórter e assistente de palco. 

Em 2015 participou da oitava edição da Fazenda e em 2017 integrou o elenco do Dancing Brasil. Atualmente participa dos sorteios do Festival de prêmios da Rede TV!. Na vida pessoal foi casada durante 4 anos com o empresário Leonardo Martins e terminou namoro com o cantor Mariano no começo deste ano e é mãe de Kauã, fruto de um relacionamento anterior.

Semana que vem o quadro retorna.

Brasileirão começa com duas vitórias dos visitantes

O mais difícil campeonato do mundo começou diferente. Sem público nas arquibancadas e seguindo protocolos sanitários por conta da pandemia o Brasileirão de 2020 teve início neste sábado com três partidas da primeira de 38 rodadas do torneio que vai até fevereiro de 2021.

Divulgação Twitter, Caio Rocha/Frame Photo, Ricardo Duarte/Divulgação e Marlon Costa/PE Press

Nas três partidas que abriram o campeonato duas vitórias dos times visitantes sobre os mandantes. Na Arena Castelão o Athlético Paranaense não teve dificuldades pra vencer fora de casa o Fortaleza por 2 x 0 com gols de Vitinho que marcou o primeiro gol do campeonato e Léo Cittadini. No Couto Pereira o Internacional também fora de casa venceu o Coritiba com gol marcado por Paolo Guerrero e assistência de Thiago Galhardo e na Ilha do Retiro o Sport que volta depois de um ano com um primeiro tempo arrasador derrotou o Ceará por 3 x 2. Elton marcou dois gols da vitória do Leão da Ilha. O Brasileirão prossegue neste domingo com mais quatro jogos e o destaque é para a estreia do atual campeão e favorito Flamengo que estreará o técnico Domenéc Torrent contra o Atlético Mineiro de Jorge Sampaoli e ainda teremos o Santos que terá Cuca no comando estreando contra o Bragantino que promete dar trabalho em seu retorno à elite depois de 22 anos, Goiás enfrentando o São Paulo e à noite duelo tricolor com Grêmio e Fluminense. As partidas entre Botafogo x Bahia, Corinthians x Atlético Goianiense e Palmerias x Vasco foram adiadas em função das finais dos estaduais e serão remarcadas.

Série B começa com Operário e Avaí dividindo a ponta e Cruzeiro correndo atrás do prejuízo

Começou a luta de 20 equipes por quatro vagas na elite do ano que vem. A Série B de 2020 começa com Operário e Avaí largando na frente e o Cruzeiro tentando tirar o prejuízo pois começou com -6.

Osmar Rios/Divulgação, José Tramontini/Operário, Pietro Carpi/Divulgação e Gledston Tavares/FramePhoto



A primeira rodada da competição começou na sexta com duas partidas e dois empates: Cuiabá 0 x 0 Brasil de Pelotas e Confiança 2 x 2 Paraná. Nos jogos deste sábado pela manhã o Juventude venceu o CRB no Alfredo Jaconi por 2 x 1, à tarde o Operário derrotou o Figueirense por 3 x 1, no começo da noite o Cruzeiro que começou o campeonato punido com -6 pontos tomou um susto, mas venceu o Botafogo de Ribeirão Preto no Mineirão por 2 x 1 iniciando a caminhada pra voltar pra Série A, o Avaí, outro rebaixado do ano passado venceu na Ressacada o Náutico por 3 x 1 com dois gols do uruguaio Gastón Rodriguez, o Vitória venceu o Sampaio Correa por 1 x 0 no Barradão e nos jogos das 21 horas o CSA venceu o Guarani no Rei Pelé por 1 x 0 e a Ponte Preta perdeu pro América Mineiro no Canindé por 1 x 0. Oeste e Chapecoense fecha neste domingo a primeira rodada da Série B.

Kevin Harvick vence de forma dominante primeira corrida de Michigan



Ao seu estilo dominante Kevin Harvick venceu neste sábado a primeira bateria de Michigan e se consolidou na liderança do campeonato. Os cinco primeiros em Michigan: Kevin Harvick, Brad Keselowski, Martin Truex Jr, Ryan Blaney e Kyle Busch que tá perigando ficar de fora do playoff. Neste domingo os pilotos voltam pra pista para a segunda corrida da rodada dupla.

Bahia e Palmeiras se sagram campeões na Bahia e em São Paulo

Neste sábado os estaduais continuaram e mais dois times se sagraram campeões.

Reprodução e Felipe Oliveira/Divulgação



O Candangão voltou depois de 144 dias de paralisação com uma partida. O Gama venceu o Real por 2 x 0 no Bezerrão e terminou a fase de classificação em primeiro e pegará o Sobradinho nas quartas, os outros confrontos serão entre Real x Capital, Luziânia x Brasiliense e Taguatinga e Formosa. Pelo campeonato baiano o Bahia se sagrou tricampeão seguido ao vencer nos pênaltis o Atlético de Alagoinhas por 7 x 6 depois de 1 x 1 no tempo normal.

Alexandre Schneider/Getty Images, Cesar Greco/Divulgação, Alex Silva (2)/AE e Marcos Ribolli (7)/globoesporte.com











Na decisão paulista entre Palmeiras e Corinthians no Allianz Parque um jogo dramático, pois o Palmeiras estava com a mão na taça pois estava vencendo por 1 x 0 com gol de Luiz Adriano quando perto do fim do acréscimo de seis minutos o zagueiro Gustavo Gomez comete pênalti em Jô que foi derrubado dentro da área. O artilheiro corintiano converteu e levou a decisão pros pênaltis. E na série decisiva brilhou a estrela do goleiro Weverton que pegou as cobranças de Michel e Cantillo. A cobrança decisiva caiu nos pés do garoto Patrick de Paula de 20 anos e com frieza decidiu o título pro alviverde que volta a ganhar um estadual depois de 12 anos. Foi também o quinto título conquistado por Vanderlei Luxemburgo no comando e o sexto título paulista na carreira. 

O blog de knunes saúda Bahia e Palmeiras campeões estaduais de 2020.

Max Günther vence sua segunda corrida no ano e Félix da Costa fica mais próximo do título da F-E


A terceira de seis corridas na pista montada no antigo aeroporto de Tempelhof rendeu ao alemão Max Günther sua segunda vitória na temporada. Günther conquistou a vitória no fim quando ultrapassou Jean Eric Vergne e segurou Robin Frinjs no final pra vencer seu segundo ePrix na temporada. Frinjs foi o segundo e Vergne terminou a prova em terceiro. O português Antônio Félix da Costa colocou o regulamento embaixo do braço e terminou na quarta colocação e foi beneficiado pelo abandono de Stoffel Vandoorne que teve um pneu furado e com os azares de Lucas di Grassi que terminou a prova em oitavo. Com esse resultado Félix da Costa fica mais próximo do título da temporada. Felipe Massa terminou em 18º longe dos pontos e Sérgio Sette Câmara se envolveu em acidente com Neel Jani e não terminou a prova. Neste domingo acontece a quarta corrida da maratona dentro da bolha e pode ser decisiva pra definição do título.

Semana em Resumo: Brasil atinge 100 mil mortes por Covid-19 e explosão em Beirute marca a semana

O Brasil atinge neste sábado a triste marca de 100 mil mortes pelo coronavírus e fecha uma semana em que Beirute viu uma explosão agitar o país.


1 - Triste recorde: O Brasil atinge neste sábado a triste marca de 100 mil mortes pela Covid-19 nesta que é a maior tragédia da nossa história. O número de casos ultrapassou a marca de 3 milhões. Fica aqui o meu respeito às famílias das vítimas e o meu repúdio aos governantes que foram incompetentes e incapazes de evitar essa tragédia e vão carregar as marcas da pandemia, principalmente o presidente Bolsonaro que negou a ciência desde o começo promovendo aglomerações e insistindo no uso da cloroquina além de ter sido infectado e lembrando que estamos sem um ministro da saúde desde o dia 15 de maio quando o país havia ultrapassado 10 mil mortes. 



2 - Explosão em Beirute: Na terça feira uma megaexplosão na zona portuária de Beirute deixou mais de 150 mortes e mais de 4 mil feridos. Mais de 60 pessoas seguem desaparecidas e neste sábado manifestações no centro da capital terminaram com os manifestantes em confronto com a Polícia.


3 - Racismo nojento novamente: Esta semana dois casos de racismo enojaram o Brasil. No Rio um entregador negro denunciou ter sido agredido por dois homens que se passaram por policiais em um shopping. Ele trocaria o presente do dia dos pais e em Valinhos, no estado de São Paulo um outro entregador de comida em aplicativo sofreu injúrias racistas e agressões verbais. O caso ocorreu no dia 31 de julho, mas é agora que as imagens foram divulgadas.


4 - Engavetamento fatal: No começo da semana em Curitiba um engavetamento de carros teve oito pessoas mortas e 21 feridas. O nevoeiro na estrada ocasionado por uma queimada causou esse acidente.


5 - Os cheques suspeitos de Queiroz: Fabrício Queiroz e sua mulher repassou à primeira dama Michelle Bolsonaro R$ 89 mil. Durante seis anos Queiroz depositou 21 cheques na conta de Michelle totalizando R$ 72 mil. 

Imagem da semana
As cruzes colocadas em Copacabana resumem a que ponto a pandemia chegou no Brasil. 100 mil vidas perdidas pela Covid-19 na maior tragédia brasileira em todos os tempos.

Semana que vem o quadro retorna e mais uma vez o meu respeito às famílias.

Primeiro domingo do Brasileirão com jogo adiado e queda do campeão com nó tático de Sampaoli

O primeiro domingo do Brasileirão teve jogo adiado e derrota do campeão na estreia com direito à nó tático. André Durão/globoesporte.com e D...