Fluminense fica no empate e segue ameaçado pela degola

Fechando a 10ª rodada do Brasileirão o Fluminense ficou no empate e segue ameaçado pelo rebaixamento.

Lucas Merçon/Divulgação 


No Maracanã o tricolor carioca saiu na frente com o gol de Pedro mas antes do fim da primeira etapa o Ceará empatopu num gol de bicicleta de Tiago Alves e poderia ter vencido se não fosse o VAR anular um gol de Mateus Gonçalves pois na origem do lance um jogador do Ceará fez falta em Nino. Horas antes o Flu apresentou seu novo reforço, Nenê que rescindiu com o São Paulo. 

Situação depois de 10 rodadas disputadas: 

- G6: Palmeiras, Santos, Flamengo, Atlético Mineiro, Internacional e Botafogo
- Z4: Cruzeiro, Chapecoense, CSA e Avaí.

Goleada monstro do Flamengo e vitória sofrida do Corinthians são os destaques do domingo do Brasileirão

O Brasileirão seguiu e neste domingo o destaque fica por conta da goleada arrasadora do Flamengo.

André Durão/globoesporte.com e Pedro Martins/Ag. O Globo

Arrascaeta comemora um de seus gols

Jogadores celebram gol na vitória sobre o Goiás, no Maracanã Foto: Pedro Martins / Terceiro

O Flamengo recebeu o Goiás no Maracanã e deu tudo certo pro time. Mais de 65 mil pessoas foram ao estádio e não se arrependeram pois era dia de estreia de Rafinha, um dos reforços do time e da primeira vez de Jorge Jesus dirigindo o time no Maraca e quem comandou o show foi o uruguaio Arrascaeta que fez três e ainda fez duas assistências. O Flamengo abriu o placar aos cinco minutos com o gol de Arrascaeta. O Goiás empatou com Kayke recebendo um presente de Rodrigo Caio e a lei do ex se fez presente. O jogo então estava equilibrado até os minutos finais do primeiro tempo quando o Flamengo numa avalanche fez três gols: Bruno Henrique aos 43 e Arrascaeta com mais dois e o time foi pro intervalo com uma grande vantagem. O segundo tempo foi dominado pelo Flamengo que manteve o ímpeto e fez mais dois com Gabigol que é artilheiro do campeonato e com passes de Arrascaeta. A goleada poderia ser ainda mais elástica se não fosse o goleiro Tadeu fazendo grandes defesas. No fim a torcida saiu satisfeita com o placar de 6 x 1 na maior goleada deste campeonato e o terceiro lugar assegurado.

Felipe Rosa/Gazeta do Povo, Tarla Worski/Divulgação e Fernando Dantas/Gazeta Press





Cruzeiro e Botafogo fizeram um jogo de baixíssimo nível técnico e o 0 x 0 foi do tamanho da incompetência das duas equipes. Na Arena da Baixada o Athlético Paranaense venceu o Internacional com gol marcado no fim do jogo por Vitinho. Em Itaquera o Corinthians teve paciência para furar a retranca armada do CSA e vencer o jogo com gol de Vágner Love. O Timão é o oitavo colocado na tabela e o time alagoano segue no Z4. Fechando os jogos do dia o Atlético Mineiro virou pra cima da Chapecoense e assumiu a quarta colocação dentro do G4. Everaldo abriu o placar com menos de um minuto e o Galo virou no segundo tempo com os gols de Maidana e Vinícius. Fluminense e Ceará fecham a rodada amanhã.

Simon Pagenaud vence em Toronto e distância entre Rossi e Newgarden diminui







O francês Simon Pagenaud suportou os ataques de Scott Dixon e venceu neste domingo o GP de Toronto conquistando sua terceira vitória na temporada. Dixon ficou mesmo com o segundo lugar e Alexander Rossi fechou o pódio em terceiro seguido de Josef Newgarden e a diferença entre os dois é de quatro pontos. Antes da corrida o canadense Robert Wickens conduziu o pace car sendo bastante aplaudido pelo público. Para os brasileiros mais um fim de semana pra esquecer. Tony Kanaan fez o que deu com as limitações e foi o 17º e Matheus Leist foi tocado na primeira volta e terminou a corrida em 19º lugar. A temporada segue no próximo sábado com a corrida no oval de Iowa.

Jean Eric Vergne é bicampeão da F-E





Jean-Eric Vergne

O francês Jean Eric Vergne se sagrou bicampeão da Fórmula E fazendo uma prova tranquila e sem afobação. Ele terminou a corrida em sétimo lugar e ainda contou com o enrosco que tirou Lucas di Grassi e Mitch Evans que se colidiram e ficaram fora da prova. A vitória na etapa derradeira foi de Robin Frinjs com Alexander Sims em segundo e Sebastién Buemi em terceiro. Felipe Massa foi o 16º colocado. Vergne é o primeiro bicampeão consecutivo em cinco temporadas disputadas da categoria e somou 136 pontos, Buemi foi o vice e Lucas di Grassi foi o terceiro. A Fórmula E encerra sua quinta temporada e a sexta temporada tem data pra iniciar: em novembro em Al - Diriyah.

André Marques é campeão da Copa Sudeste



O domingo era do marvado Leandro Totti que varreu vencendo as duas corridas em Curvelo, mas acabou sendo desclassificado de ambas pela ausência dos restritores. Paulo Salustiano herdou a vitória da primeira bateria com Wellington Cirino em segundo e Roberval Andrade em terceiro. Na segunda bateria André Marques ficou com a vitória com Régis Boéssio em segundo e o estreante Pedro Paulo Fernandes em terceiro. O título da Copa Sudeste ficou com André Marques. A Copa Truck volta em 18 de agosto em Santa Cruz do Sul abrindo a Copa Sul.

Corrida 1
1. Paulo Salustiano (Volkswagen), 14 voltas em 25min44s797
2. Wellington Cirino (Mercedes-Benz), a 18s497
3. Roberval Andrade (Mercedes-Benz), a 19s178
4. Pedro Paulo Fernandes (Mercedes-Benz), 22s413
5. Beto Monteiro (Volkswagen), a 22s444
6. Regis Boessio (Volvo), a 24s115
7. André Marques (Mercedes-Benz), a 36s820
8. Jaidson Zini (Iveco), a 39s677
9. Renato Martins (Volkswagen), a 41s531
10. Debora Rodrigues (Mercedes-Benz), a 59s044
11. Luiz Carlos Zapelini (MAN), a 59s267
12. Djalma Fogaça (Ford), a 1min06s638
13. José Augusto Dias (Volkswagen), a 1min08s021
14. Fábio Fogaça (Ford), a 1min37s109
15. Hiro Yano (Mercedes-Benz), a 1min37s992
16. Clodoaldo Monteiro (MAN), a 1min38s266
17. Djalma Pivetta (Iveco), a 1min41s233
Não classificados
Felipe Giaffone (Iveco), a 10 voltas
Luiz Lopes (Iveco), a 14 voltas
Leandro Totti (Mercedes-Benz), desclassificado
Melhor volta: Paulo Salustiano, 1min48s190 (média de 110,805 km/h)
Corrida 2
1. André Marques (Mercedes-Benz),14 voltas em 25min52s302
2. Regis Boessio (Volvo), a 14s781
3. Pedro Paulo Fernandes (Mercedes-Benz), a 15s338
4. Luiz Carlos Zapelini (MAN), a 27s137
5. Jaidson Zini (Iveco), a 29s760
6. Roberval Andrade (Mercedes-Benz), a 32s942
7. Beto Monteiro (Volkswagen), a 37s000
8. Djalma Pivetta (Iveco), a 1min07s266
9. Clodoaldo Monteiro (MAN), a 1min08s524
10. Renato Martins (Volkswagen), a 1 volta
11. José Augusto Dias (Volkswagen), a 1 volta
12. Paulo Salustiano (Volkswagen), a 4 voltas
Não classificados
Débora Rodrigues (Mercedes-Benz), a 5 voltas
Wellington Cirino (Mercedes-Benz), a 6 voltas
Djalma Fogaça (Ford), a 6 voltas
Hiro Yano (Mercedes-Benz), a 6 voltas
Fabio Fogaça (Ford), a 9 voltas
Leandro Totti (Mercedes-Benz), desclassificado
Melhor volta: Paulo Salustiano, 1min48s730 (média de 110,255 km/h)
Classificação da Segunda Copa
1. André Marques, 63
2. Roberval Andrade, 62
3. Beto Monteiro, 53
4. Renato Martins, 49
5. Paulo Salustiano e Luiz Carlos Zapelini, 44
7. Regis Boessio, 41
8. Pedro Paulo Fernadnes, 37
9. Jaidson Zini, 37
10. Débora Rodrigues, 35
11. Adalberto Jardim, 25
12. Wellington Cirino, 24
13. Clodoaldo Monteiro, 23
14. Fábio Carvalho, 19
15. José Augusto Dias, 12
16. Luiz Lopes e Djalma Pivetta, 11
18. Djalma Fogaça, 8
19. Fábio Fogaça e João Maistro, 6
21. Hiro Yano, 5
Sem pontos: Felipe Giaffone, Maikon Lauck e Leandro Totti

Novak Djokovic conquista quinto título de Wimbledon em final épica

Djokovic salva match points, supera Federer em final épica e fatura o penta em Wimbledon

Foi uma longa batalha que durou quase 5 horas e um final épico em que teve de tudo. O sérvio Novak Djokovic e o suíço Roger Federer escreveram mais um capítulo de uma saga emocionante na grama sagrada de Wimbledon. Foram cinco sets emocionantes e no último Federer tinha tudo pra ganhar, mas Djoko salvou dois match points e levou o jogo pro tie break, a partir deste ano a nova regra passou a ser implantada com o objetivo de não alongar mais o set final. As parciais foram de 7/6, 1/6, 7/6, 6/4 e 13/12. Este é o quinto título da carreira e o 16º Grand Slam encostando em Federer que tem 20 e Nadal que tem 18.

A construção de uma campeã: Simona Halep mostra sua nova faceta com título em Wimbledon

Na final feminina a romena Simona Halep atropelou a americana Serena Williams com um duplo 6/2 em apenas 55 minutos de jogo e conquistou seu primeiro título em Wimbledon. Serena teve adiado o sonho de se igualar à Margaret Court que segue sendo recordista de Major Slams.

Lewis Hamilton vence sua 80ª prova na Fórmula 1 e dispara na liderança



GP da Inglaterra: Hamilton vence pela 80ª vez na Fórmula 1 após fazer pit stop durante safety car

Bottas, Hamilton e Leclerc no pódio em Silverstone — Foto: Reuters

Lewis Hamilton nos braços do povo em Silverstone — Foto: Getty Images

Um campeão precisa ter sorte no momento e na hora certas e todas essas qualidades Lewis Hamilton tem de sobra. Ele aproveitou a intervenção do safety car e fez seu único pit stop enquanto os outros fizeram uma parada a mais entre eles Valtteri Bottas que chegou a dominar a primeira parte da prova. Hamilton venceu pela 80ª vez na carreira, a sexta em casa e está à 11 vitórias de igualar a marca de Michael Schumacher. Bottas foi o segundo e Charles Leclerc terminou em terceiro mesmo sendo prejudicado pela Ferrari. Pierre Gasly foi o quarto e Max Verstappen o quinto pois foi atropelado por Sebastian Vettel quando estava em terceiro e o alemão foi punido e terminou em 17º. No campeonato Hamilton dispara com 223 pontos contra 184 de Bottas. A próxima corrida da temporada será no dia 28 com o GP da Alemanha em Hockhenheim.

Resultado do GP da Inglaterra de Fórmula 1 — Foto: Reprodução/FOM

Kurt Busch vence duelo particular com o irmão Kyle no Kentucky












No duelo familiar entre irmãos quem levou a melhor foi Kurt Busch. O campeão de 2004 superou o irmão mais novo e campeão de 2015 Kyle Busch e venceu no Kentucky assegurando seu lugar nos playoffs. Os cinco primeiros no Kentucky: Kurt Busch, Kyle Busch, Erik Jones, Kyle Larson e Denny Hamlin. A próxima corrida será domingo que vem em New Hampshire. 

A Bela do Domingo: Tabata Amaral

O quadro A Bela do domingo de hoje traz Tabata Amaral.


Tabata Cláudia Amaral de Pontes nasceu em 14 de novembro de 1993 e é formada em Ciências Políticas e Astrofísica pela Universidade de Harvard. Foi criada na Vila Missionária, bairro pobre da zona sul de São Paulo e se destacou nos estudos sendo aprovada em seis universidades diferentes dos Estados Unidos.

Resultado de imagem para Tabata Amaral

Resultado de imagem para Tabata Amaral

Resultado de imagem para Tabata Amaral

Em 2014 fundou o Movimento Mapa Educação, movimento social que tem como missão engajar jovens na luta por uma educação de qualidade, em 2016 lança o Manifesto Voz do Jovem, em outubro de 2017 fez parte de um grupo de 11 lideranças que participaram de um encontro com o ex- presidente americano Barack Obama e em julho do ano passado participou de um encontro com a ativista paquistanesa Malala Youzafzai, ganhadora do Prêmio Nobel da Paz de 2013.

Resultado de imagem para Tabata Amaral

Resultado de imagem para Tabata Amaral

Imagem relacionada

No ano passado fez sua estreia em eleições e acabou sendo eleita deputada federal pelo PDT de São Paulo com a sexta maior votação no estado. E nesta atual legislatura vem roubando a cena. No dia 27 de março em um discurso fez críticas contundentes ao então ministro da educação Ricardo Vélez quando ele foi até a Comissão de educação da Câmara. Nesta semana foi alvo de polêmica pois votou á favor da Reforma da Previdência mesmo contrariando orientação da legenda e gerando fortes críticas de Ciro Gomes. Ela corre o sério risco de ser punida e expulsa do partido e para se defender divulgou nas redes sociais vídeo justificando o seu voto. 

Semana que vem o quadro retorna.

Palmeiras mantém invencibilidade no retorno do Brasileirão

O Brasileirão voltou depois de um mês de paralisação, mas não mudou nada na liderança. O Palmeiras segue líder e invicto no torneio agora com 33 jogos de invencibilidade.

Jefferson Botega/RBS, Pedro Chaves/AE, Ivan Storti/Divulgação, Fernando Dantas/Gazeta Press, Marcello Zambrana/AGIF e Renato Pizzutto/BP Filmes 

Jefferson Botega / Agência RBS


Bahia x Santos

Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press

Bola encobre Tiago Volpi, bate na trave, volta no goleiro e entra: gol de Dudu!

Dudu comemora em São Paulo x Palmeiras

Na Arena Grêmio o time de Renato Gaúcho cheio de reservas levou a melhor sobre o time de Vanderlei Luxemburgo, mas quem roubou a cena foi a arbitragem que anulou um gol do Vasco. O time carioca saiu na frente com o gol de Yago Pikachu e no começo do segundo tempo chegou a fazer o segundo, mas o VAR flagrou uma agressão de Rossi e anulou o gol. O Grêmio então acordou e o garoto Pepê fez os dois gols da virada gremista e o Imortal subiu pra nona colocação e o Vasco poderá voltar pra zona de rebaixamento dependendo dos resultados da rodada. Na Arena Castelão o Fortaleza venceu o lanterna Avaí com os dois gols marcados por Wellington Paulista. No Morumbi o Palmeiras se mantém invicto e líder após empatar o clássico com o São Paulo que saiu na frente com o gol de Pablo, o primeiro dele no estádio, mas Dudu empatou num gol inusitado, pois a bola subiu, ganhou efeito, bateu na trave e nas costas de Tiago Volpi num tremendo azar. O Verdão se mantém líder, mas o Santos não quer deixar o Verdão desgarrar e jogando fora de casa venceu o Bahia no fim. Aos 41 minutos o Peixe teve pênalti que foi convertido por Carlos Sanchez e acabou com a invencibilidade baiana como mandante. O Brasileirão prossegue neste domingo com mais cinco partidas: Flamengo x Goi,as Corinthians x CSA, Cruzeiro x Botafogo, Athlético Paranaense x Internacional e Chapecoense x Atlético Mineiro.

Fluminense fica no empate e segue ameaçado pela degola

Fechando a 10ª rodada do Brasileirão o Fluminense ficou no empate e segue ameaçado pelo rebaixamento. Lucas Merçon/Divulgação  ...