quinta-feira, 3 de agosto de 2017

Temer escapa de investigação e respira





Na noite de ontem os deputados decidiram arquivar a denúncia de corrupção passiva contra o presidente Michel Temer. 492 deputados compareceram e o placar foi de 263 votos a favor do parecer contra 267 que pediam o avanço da investigação do Supremo. A sessão de ontem durou 13 horas. Com isso o presidente Temer escapou de ser afastado por 180 dias como determina a Constituição, o que mostra que ele tem maioria no Congresso. Logo após a proclamação do resultado ele fez um pronunciamento dizendo que quer pacificar o país e priorizar as reformas e disse ainda que foi uma votação de acordo com o estado democrático.

Nenhum comentário: