sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Retrospectiva 2016: Como as emissoras atravessaram a crise na telinha

A Retrospectiva 2016 prossegue e hoje é dia de falarmos de televisão. Num ano repleto de acontecimentos importantes a crise continuou fazendo com que as emissoras se rebolassem em relação à custos. O ano também marcado pela precoce perda do ator Domingos Montagner num claro sinal de que a vida não imita a arte.


Lutando pra sobreviver na crise

2016 não vai deixar saudade na Rede Bandeirantes de Televisão. Os efeitos da crise econômica deixaram rastros e o canal atravessou o ano em dificuldades. O maior exemplo disso foi o esporte, um dos pilares da emissora no passado e que neste ano sofreu com a redução de custos. A emissora encerrou em maio a parceria com a Globo que durou quase dez anos transmitindo jogos de futebol e deixou de transmitir o Campeonato Brasileiro e os estaduais. A cobertura da Olimpíada foi apenas razoável e sem futebol a emissora abriu espaço para outras modalidades como o NBB. As novelas turcas não fizeram sucesso e seguem com médias baixas. No jornalismo a baixa foi a saída de Bóris Casoy que deixou o Jornal da Noite.



Final do "MasterChef Profissionais" consagra Dayse e tem bom Ibope na Band

Aposta da emissora, X - Factor fracassou e Master Chef dá claros sinais de desgaste

A aposta da emissora para o ano foi o reality musical X Factor, só que a versão brasileira foi um retumbante fracasso. A média não passou dos 2 pontos e vários fatores contribuíram pro fracasso: falta de sintonia entre os jurados, seleção fraca e tumultuada e formato batido da década passada. Por outro lado o MasterChef segue sendo o sucesso da emissora, mesmo levando ao rápido desgaste. A edição Profissionais foi vencida pela chef Dayse.

  Mais do mesmo

A Rede TV! teve poucos momentos bons em 2016, mas o canal segue com sua programação loteada e com programas falando de subcelebridades em excesso. O jornalismo teve como pontos altos os bons índices de audiência do programa de entrevistas de Mariana Godoy e a contratação de Bóris Casoy para assumir o comando do Rede TV News, por outro lado o canal teve fracassos como o Olha a Hora comandado por Luciano Facciolli e o Sem Rodeios, ambos cancelados por falta de audiência. Facciolli foi demitido depois de fazer críticas à direção, Ana Paula Couto foi contratada, mas ficou apenas um mês e saiu do canal.





Luciano Facciolli foi demitido com o fracasso do Olha a Hora e João Kléber bem que tentou fugir da baixaria, mas voltou a apelar no seu show

João Kléber lançou o João Kléber Show, uma tentativa de fazer um programa diferente com calouros e atrações variadas, mas a falta de audiência fez com que o formato mudasse para o que é de seu costume, baixarias e apelações, mesmo assim a audiência segue baixa. E a lista negra da emissora teve mudanças com as saídas de Xuxa, José Luiz Datena e Adriane Galisteu. Para 2017 o canal aposta em Raul Gil que deixa o SBT no fim do ano para comandar um programa aos domingos.


Mudança de logotipo não reflete na programação

2016 foi ano de mudança na agora Record TV. A emissora lançou em novembro sua nova identidade visual com o novo logotipo todo prateado e um novo slogan: Reinventar é a nossa marca. Por outro lado a programação segue tendo poucos e raros momentos bons.





Com o lançamento de Escrava Mãe emissora enfim lançou seu segundo horário de novelas mantendo o seu principal horário para novelas bíblicas como A Terra prometida

O ano começou com a emissora promovendo o filme Os dez Mandamentos, baseado na novela que abalou as estruturas no horário, só que a continuação não repetiu os índices da primeira versão e ficou três meses no ar, depois estreou A Terra Prometida. Em maio a emissora lançou um novo horário de novelas com a estreia de Escrava Mãe, novela gravada desde o ano passado. A tão anunciada série sobre os Mamonas Assassinas foi cancelada por falta de verbas.



Geraldo Luís chegou a ficar um mês na geladeira porque fez duras críticas à emissora e à direção. O motivo de tudo foi a redução de uma matéria para dar espaço à cobertura da votação do imepachment voltando um mês depois ao comando do Domingo Show e depois renovando seu contrato mesmo depois de recusar proposta para um programa diário noturno que foi cancelado.







Fábio Porchat lançou seu talk show, Gugu fica e Britto Júnior está de saída

Após a Olimpíada a aposta da emissora foi o humorista Fábio Porchat que lançou seu Programa do Porchat. A atração incomodou pouco a concorrência, mas em pouco tempo é considerado como um sucesso comercial, mas por outro lado o reality Batalha dos Cozinheiros de Buddy Valastro fracassou no Ibope, já o Power Couple comandado por Roberto Justus teve pouca repercussão e audiênca mediana. Em seu segundo ano na emissora Xuxa Meneghel segue sofrendo com a crise de identidade que se abateu sobre seu programa. Para 2017 a apresentadora poderá ir para os sábados relembrando o tempo do TV Xuxa na Globo. Gugu Libertato só no fim do ano firmou um novo acordo com a emissora passando a ser apenas apresentador, sem esquema de sociedade. No horário do almoço o Balanço Geral segue incomodando a concorrência com o quadro A Hora da Venenosa de Fabíola Reipert que segue dando dor de cabeça ao Vídeo Show. No fim do ano o jornalista Britto Júnior é avisado de que não terá o contrato renovado e uma farsa envolvendo o apresentador Rodrigo Faro que mostrou a história do garoto que conheceu o cantor Leonardo, mas que na verdade ele já o conhecia em reportagem exibida pela EP TV, afiliada da Globo em Campinas.

 Polêmicas e invencionices ditam o ano

No ano em que completou três décadas e meia no ar o SBT promoveu novos programas, mas também trouxe polêmicas. O canal de Silvio Santos segue numa disputa apertada e ferrenha com a Record pelo segundo lugar no Ibope. Um dos destaques do canal no ano foi o seriado A Garota da Moto, uma co - produção feita em parceria com a Fox e tendo Christiana Ubach como protagonista. O seriado terá uma segunda temporada. A faixa infantil segue sendo um dos destaques da programação do canal. A novela Cúmplices de um Resgate foi encerrada com um especial apresentando um show com o elenco da novela na última terça e conseguiu deixar a Globo em terceiro lugar. Em seu lugar entrou Carinha de Anjo, adaptação de Leonor Correa e supervisão de texto de Iris Abravanel. No jornalismo o SBT foi o único canal a não mostrar a votação do impeachment em abril e conseguiu mesmo assim a vice liderança isolada com o Programa Silvio Santos. O setor teve o lançamento do SBT Notícias e um pacote gráfico em todos os telejornais da casa.





Fofocando foi lançado pra barrar a Record, mas segue atrás no Ibope e Carinha de Anjo foi mais uma aposta no horário infantil de novelas

Para acabar com a série de derrotas no começo da tarde o SBT lançou no dia 1º de agosto o Fofocando, programa de fofocas das celebridades tendo como apresentadores Leão Lobo e Mamma Bruschetta que vieram da TV Gazeta, depois entraram Mara Maravilha que volta à emissora depois de 22 anos e a polêmica ex- BBB Ana Paula Renault. Só que nem todas as mudanças feitas por Silvio tiveram efeito até agora e o programa segue perdendo pra Record.



Dudu Camargo foi mais uma invenção de Silvio Santos que não deu certo afundando os índices do Primeiro Impacto

Conhecido como o Homem do Saco o adolescente Dudu Camargo de 18 anos foi a solução encontrada por Silvio Santos para levantar a audiência do Primeiro Impacto que estreou este ano de manhã. As jornalistas Joyce Ribeiro e Karyn Bravo foram trocadas por Dudu que demonstrou uma total inexperiência à frente do telejornal. Silvio voltou com a dupla depois que os indices despencaram. Vinda da Record Chris Flores só deve estrear no ano que vem comandando um reality de casamentos, já Celso Portiolli vai migrar para a tarde de sábado pois o Domingo Legal sairá do ar depois de 23 anos e comandar o Sábado Legal ocupando a vaga de Raul Gil que deixará a emissora e ficará até fevereiro. No fim do ano Silvio Santos ganhou uma exposição no Museu da Imagem e do Som com o nome de Silvio Santos vem aí.



Boas produções, mas com problemas no principal horário de novelas

A Globo teve um ano marcado por boas produções, mas de preocupação com seu principal produto de teledramaturgia que vem em queda livre preocupante, por outro lado a faixa das 7 da noite tem sido motivo de orgulho.









Justiça fez bonito ao contrário de Supermax que fracassou, Márcio Garcia lança game show de sucesso e Globo ganha mais um Emmy pra coleção, agora com Verdades Secretas

Dentre as séries de destaque no ano o grande destaque fica pra Justiça de Manuela Dias. aclamada pelo público e pela crítica com atuações brilhantes de atores como Adriana Esteves. Outras séries de destaque foram Ligações Perigosas, exibida no começo do ano e Nada Será como antes com destaque para Jesuíta Barbosa e Bruna Marquezine. O grande fracasso da temporada foi Supermax, um seriado bem ao estilo americano que se passa dentro da prisão, mas que chegou a ficar em terceiro lugar. O ano teve ainda as últimas temporadas de Pé na Cova e Chapa Quente. Márcio Garcia estreou o game show Tamanho Família com boa repercussão. No humor o Tá no Ar segue se destacando e o Zorra renovado conseguiu traduzir o espírito do país durante a crise política sendo indicado ao Emmy, aliás falando em Emmy a emissora ganhou mais um prêmio com a novela Verdades Secretas de Walcyr Carrasco, escolhida a melhor novela do ano de 2015. Grazi Massafera foi indicada, mas ficou sem o Emmy de melhor atriz.





Sérgio Guizé e Marco Nannini foram grandes destaques de Êta Mundo Bom assim como o romance que saltou da telinha e foi pra realidade entre Camila Queiroz e Klebber Toledo

O mesmo Walcyr mostrou porque é o rei das seis da tarde. Ele é autor de Êta Mundo Bom, novela que ficou no ar de janeiro à agosto e contou as aventuras do caipira Candinho, personagem de Sérgio Guizé. A novela conseguiu o feito de ser uma das mais assistidas desde 2006 com índices de 27 pontos de média. Além do protagonista tivemos boas atuações de Marco Nanini como o professor Pancrácio, a divertida Cunegundes de Elizabeth Savalla e para as aventuras de Mafalda e Romeu, papéis de Camila Queiroz e Klebber Toledo que levaram a paixão da novela pra vida real. Já Sol Nascente, atualmente no ar não vem bem pois o público não entendeu a trama até agora e o nucleo japonês não vem se destacando.



Marina Ruy Barbosa entre Fábio Assunção e Rodrigo Simas: triângulo amoroso que deu certo em Totalmente Demais

No horário das 7 da noite a emissora vem tendo grandes alegrias com suas novelas. O ano começou com Totalmente Demais alcançando índices superiores aos apresentados pelas novelas das 9. A história de Eliza (Marina Ruy Barbosa) conquistou os brasileiros e a novela foi esticada até maio terminando numa segunda feira, fato que não ocorria desde 1977. A boa audiência surtiu efeito.





O casal Shirlipe rouba a cena em Haja Coração enquanto Rock Story tenta manter a média das últimas tramas do horário

A novela seguinte Haja Coração, uma releitura de Sassaricando manteve os bons índices no horário. Dentre as atuações de destaque quem roubou a cena foi Sabrina Petragila, intérprete de Shirlei e seu par romântico Filipe, personagem de Marcos Pitombo. O público torceu pelo casal Shirlipe que se deu bem. Mariana Ximenes não fez feio com sua interpretação da feirante Tancinha, por outro lado Malvino Salvador decepcionou como Apolo. A atual novela do horário Rock Story manteve a média de audiência do horário com uma trama interessante.

O adeus do gordo aos talk shows

TV Globo/ Rogério Lorenzoni

Jô Soares encerra trajetória como entrevistador e a partir de agora fica difícil ir pra cama sem suas entrevistas

Nesta sexta feira irá ao ar o último Programa do Jô. Após 28 anos Jô Soares encerra hoje sua trajetória como entrevistador depois de mais de 14 mil entrevistas e 5600 programas. A última temporada do talk show teve como grandes momentos as entrevistas com Fausto Silva e Roberto Carlos exibida semana passada. O último entrevistado será o cartunista e humorista Ziraldo.

No jornalismo a emissora foi alvo durante a crise política e o impeachment de Dilma Rousseff, tudo por causa de sua cobertura, classificada pelos petistas de golpista. William Waack foi protagonista de uma saia justa com a cantora Anitta durante a abertura das Olimpíadas e com a parceira Cris Dias um festival de indiretas.



Marcelo Adnet ao lado de Galvão Bueno na estreia do Adnight que teve índices razoáveis

As sessões de cinema ganharam novas vinhetas assim como o Mais Você. Marcelo Adnet estreou o Adnight, programa exibido às quintas feiras com repercussão mediana.

O que está acontecendo com as novelas das 9?

Principal produto da teledramaturgia da Globo a novela das 21 horas passa por uma grave crise que começou ano passado com Babilônia e que chega agora com os baixos índices de A Lei do Amor.
A Regra do Jogo não empolgou e terminou com índices de 28 pontos.









Velho Chico teve bons destaques como Lucy Alves e Giullia Buscacio entre os jovens e Selma Egrei se destacando como Encarnação

Em março estreou Velho Chico de Benedito Ruy Barbosa. A novela era a chance de elevar os índices e a primeira fase demonstrou que a novela tinha potencial com o primeiro capítulo atingindo 35,4 pontos. Na primeira fase destacaram - se Rodrigo Santoro no papel do coronel Afrânio e o casal Teresa e Santo jovens interpretados por Júlia Dalavia e Renato Góes. A segunda fase teve como grandes destaques Lucy Alves no papel de Luzia, Lee Taylor como Martin e Giulia Buscacio no papel de Olívia, jovens talentos que despontaram na trama. Outros atores veteranos também roubaram a cena como Selma Egrei que se destacou na pele de Encarnação.

A TRAGÉDIA QUE LEVOU DOMINGOS MONTAGNER





Cenas da úlitma gravação do ator Domingos Montagner: ator morre aos 54 anos no auge de uma carreira tardia, mas consagrada

Na segunda fase da novela o personagem Santo dos Anjos foi interpretado por Domingos Montagner e no dia 15 de setembro o ator estava em Sergipe junto de Camila Pitanga e Gabriel Leone para as últimas gravações dos personagens. Depois do almoço veio um período de descanso e Domingos foi mergulhar no rio junto de Camila, mas quando mergulhava a força das águas o levou. Camila tentou salvá - lo, mas ele tentou voltar duas vezes à superfície e vencido pelo canaço acabou morrendo afogado. O seu corpo foi encontrado entre duas pedras, à 18 metros de profundidade nas proximidades da usina de Xingó. A sua morte abalou o país. Cria do circo Domingos Montagner despontou sua carreira como ator a partir de 2008, mas o sucesso veio a partir de 2011 quando fez o cangaceiro Herculano em Cordel Encantado, depois emendou trabalhos de destaque até vir o personagem Santo de Velho Chico. Na trama o personagem foi salvo das águas do São Francisco, pena que na vida real isso não foi possível. A solução encontrada para suprir a ausência foi utilizar uma câmera que fez o papel do ator.





O casal de protagonistas Pedro (Reynaldo Gianecchini) e Helô (Cláudia Abreu) e Letícia, a mocinha mimada inrerpretada por Isabella Santoni não estão segurando a audiência de A Lei do Amor

Apesar de tudo a média final da novela ficou em 29 pontos. Em outubro estreou A Lei do Amor de Maria Adelaide Amaral e Vincent Villari e que obteve 30 pontos no primeiro capítulo, o pior índice em estreias e a média não passa dos 27 pontos. A personagem Letícia interpretada por Isabella Santoni é apontada como uma das mais chatas, apesar de ser mimada.

A cobertura da TV na Rio 2016





A primeira Olimpíada da América do Sul foi coberta por sete canais (três em TV aberta e quatro na TV fechada). E quem fez bonito foi o Sportv, canal pago da Globosat que teve a ousadia de lançar 16 canais que cobriram 100% da Olimpíada com 35 narradores e 110 comentaristas. O programa É Campeão, mesa redonda com ex- campeões olímpicos comandada por André Rizek recebeu elogios do The New York Times.


A Globo mostrou mais uma vez seu know how na cobertura olímpica com seu Time de Ouro e dentre os comentaristas dsignados o destaque ficou pra Guga Kuerten que ganhou o apelido de Labrador Humano. A emissora montou um estúdio dentro do coração dos Jogos no Parque Olímpico e lá os telejornais de rede foram feitos. A Record fracassou na audiência que foi constantemente superada pelo SBT e logo depois desativou seu departamento esportivo mantendo apenas o Esporte Fantástico. A Band cobriu os jogos sem a empolgação de Luciano do Valle e com poucos recusros fez uma cobertura razoável.





Dentre os narradores a grande sensação foi Rômulo Mendonça, o mensageiro do caos que na ESPN transmitiu os jogos de vôlei com irreverência e empolgação da mesma forma que ele faz transmitindo esportes americanos. Na Globo a novidade foi a primeira mulher narradora esportiva na história. Glenda Koslowski foi criticada na primeira semana pelo excesso de empolgação na transmissão da ginástica, melhorando depois. Tem tudo pra se aprimorar mais para Tóquio.

A retrospectiva segue neste sábado falando de esportes com os destaques do automobilismo.

Nenhum comentário: