quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Noite de homenagem para a Chapecoense comove o futebol

Torcedores dos três times da capital lado a lado no Couto. | Hugo Harada/Gazeta do Povo



Na noite desta quarta feira seria disputada a decisão da Copa Sul Americana entre a Chapecoense e o Atlético Nacional. O Couto Pereira recebeu 30 mil pessoas não para comemorar um título da Chape, mas para homenagear os 71 mortos no acidente aéreo da semana passada. Como ocorreu na Colômbia a emoção tomou conta de todos que vieram com camisas de outros clubes. Nas arquibancadas o grito que mais ecoou foi de É campeão! No horário da partida as luzes se apagaram e tiros de morteiros foram disparados. No Maracanã a união de torcedores dos times cariocas ocorreu no lado de fora do estádio e na final da Copa do Brasil torcedores, jornalistas e os jogadores de Grêmio e Atlético Mineiro foram às lágrimas com as homenagens durante o minuto de silêncio antes da bola rolar. E enquanto isso os sobreviventes seguem se recuperando. Na tarde de quarta o lateral Alan Ruschel postou um vídeo onde mostra ele se recuperando e caminhando pelos corredores do hospital e agradeceu o carinho do povo brasileiro.

Nenhum comentário: