segunda-feira, 3 de julho de 2017

Fluminense empata com Chapecoense e Rogério Ceni é demitido do São Paulo

Nelson Perez/Divulgação



No complemento da 11ª rodada Fluminense e Chapecoense empataram por 3 x 3 em Edson Passos. O Flu saiu na frente com Richarlison marcando com um minuto de jogo. A Chape virou com dois gols de Arthur, Pedro de peito empatou o jogo pro Flu, mas a Chape voltou a ficar na frente com o gol de Rossi que depois foi expulso, mas no fim da partida veio o empate com Marcos Júnior. O Flu é o sétimo e a Chape é a 15ª colocada.



A notícia de maior impacto do dia foi a demissão de Rogério Ceni que não dirige mais o São Paulo. O ídolo tricolor foi demitido após a derrota para o Flamengo que deixou o time na zona de rebaixamento. Sua curta passagem como técnico teve 37 partidas com 14 vitórias, 13 empates e 10 derrotas além de eliminações em três campeonatos (Paulista, Copa do Brasil e Copa Sul Americana). Pesou na decisão da saída os maus resultados, a série negativa de seis jogos sem vencer e o aproveitamento foi de 49,5%, um pouco superior à média de outros treinadores que passaram pelo comando como Juan Carlos Osório, Edgardo Bauza e Ricardo Gomes.

Situação depois de 11 rodadas disputadas:

- Libertadores: Corinthians, Grêmio, Flamengo, Palmeiras, Santos e Vasco;
- Série B: São Paulo, Vitória, Avaí e Atlético Goianiense.

Um comentário:

Kleber Nunes disse...

E a incompetência e o imediatismo dos dirigentes fez mais uma vítima. Vagner Mancini que abraçou a reconstrução da Chape e ganhou estadual e só não seguiu em frente na Libertadores por incompetência dos dirigentes foi demitido após o empate contra o Fluminense, o que é triste. Com isso são 14 trocas de técnico em 11 rodadas disputadas, por isso que técnico de futebol não tem continuidade no trabalho por conta de diretores imediatistas e incompetentes.