sábado, 17 de setembro de 2016

Top 5: País se despede de Domingos Montagner, Lula é denunciado e eleição americana vira caso de saúde

A semana foi agitada na política com a cassação de Eduardo Cunha e o relatório do MP apontando Lula como comandante máximo do esquema do Petrolão, nos EUA a questão da saúde toma conta da disputa e o adeus à Domingos Montagner.



1 - Cunha cassado: Por 450 votos a favor, 10 contra e 9 abstenções Eduardo Cunha foi cassado e agora virou passado. Ele não só perdeu o mandato como também ficará inelegível até 2027, perde o foro privilegiado e pode parar nas mãos de Sérgio Moro. Este foi o mais longo processo de cassação da história da Câmara dos Deputados.



2 - Lava Jato: A força tarefa da Lava Jato denunciou o ex- presidente Lula como comandante máximo do Petrolão. Ele é acusado de lavagem de dinheiro e corrupção. No dia seguinte em coletiva ele fez duras críticas à denúncia classificando o ato como show pirotécnico declarando que se provarem uma corrupção dele iria a pé para a prisão.



3 - Eleições americanas: Hillary Clinton se retirou de um evento em homenagem às vítimas do 11 de setembro devido à pneumonia e ficou afastada da campanha, já Donald Trump apresentou relatório médico de seus exames de saúde. E fora disto ele duvidou se o presidente Obama era mesmo americano.

O arcebispo sul-africano Desmond Tutu chega para votar em eleições em agosto na Cidade do Cabo

4 - África do Sul: O bispo Desmond Tutu de 84 anos foi internado neste sábado, três dias depois de ter recebido alta. Ele havia sido hospitalizado no dia 24 de agosto devido à uma infecção. Desmond Tutu lutou ao lado de Nelson Mandela contra o apartheid e ganhou o Prêmio Nobel da Paz de 1984.

Cemiterio Enterro de Domingos Montagner - Helvio Romero

5 - Adeus à Domingos Montagner: No fim da manhã deste sábado o ator Domingos Montagner foi enterrado sob aplausos. Domingos morreu na última quinta feira ao ser arrastado pela correnteza no Rio São Francisco em um intervalo das gravações de Velho Chico. A Globo decidiu manter o personagem Santo até o fim da novela no dia 30 como forma de homenagear o artista.

Imagem da semana

Ex-presidente se disse 'indignado' e repetiu que é inocente: 'Provem, e irei a pé para ir preso' NELSON ALMEIDA / AFP

Um dia depois de ser denunciado como chefe da propinocracia o ex - presidente Lula chorou durante coletiva, aliás até quando vamos ver políticos sem vergonha no país?

Semana que vem tem mais.

Nenhum comentário: