Pular para o conteúdo principal

Bolt faz história pela nona vez, Isinbayeva diz adeus, futebol feminino deixa o bronze ir embora e vôlei atropela rumo à quarta decisão seguida

O Brasil não conquistou medalha nesta sexta. A seleção de futebol feminino deixou escapar o bronze e o ouro ficou com as alemãs, mas no vôlei garantiu vaga na quarta decisão seguida. O dia marcou também a aposentadoria de uma estrela do atletismo mundial e o nono ouro de um certo jamaicano que já está na história olímpica.

E A MEDALHA ESCAPOU...

Paulo Whitaker e Murad Sezer/Reuters e Sérgio Neves/AE





2016 Rio Olympics - Soccer - Final - Women's Football Tournament Gold Medal Match - Sweden v Germany - Maracana - Rio de Janeiro, Brazil - 19/08/2016. Germany's (GER) players celebrate winning the gold. REUTERS/Murad Sezer FOR EDITORIAL USE ONLY. NOT FOR SALE FOR MARKETING OR ADVERTISING CAMPAIGNS. ORG XMIT: OLYSS746

Canadá mostra superioridade e vence o Brasil para frustração de Marta e a Alemanha leva o torneio feminino vencendo a Suécia

De tão injustiçadas nossas meninas do futebol não mereciam terminar fora do pódio olímpico. Mesmo lotando as arquibancadas da Arena Corinthians a torcida reconheceu no fim o esforço da seleção e aplaudiu as jogadoras. A derrota para o Canadá por 2 x 1 tirou o Brasil do sonho do pódio em casa. Depois de um começo arrasador vieram três jogos sem gol e hoje o gol do Brasil saiu depois de 412 minutos em branco, mas as canadenses tiveram mais vigor físico e fizeram dois gols, um com Rose e outro com a capitã Sinclair. O gol brasileiro foi marcado por Bia. Além da derrota a partida simbolizou a aposentadoria de Formiga que depois de seis Olimpíadas seguidas encerrou carreira. Já Marta chorou e fez um apelo aos dirigentes que não deixe de apoiar o futebol brasileiro, pois há muito tempo que a CBF não valoriza o esforço das mulheres, quem sabe agora? A medalha de ouro ficou pra Alemanha que venceu a Suécia no Maracanã por 2 x 1.

ISAQUIAS IMPOSSÍVEL ESTÁ EM MAIS UMA FINAL

Damien Meyer/AFP

Isaquias Queiroz (e) tem a chance de fazer história caso fature mais uma medalha neste sábado (Foto: Damien MEYER/AFP)

Isaquias e Erlon avançaram com tranquilidade para a final com o melhor tempo

O canoísta Isaquias Queiroz segue arrasador em busca de ser o maior atleta brasileiro em uma edição olímpica. Hoje ao lado do amigo e parceiro Erlon Souza garantiu com sobras sua passagem à final do C2 1000 m com o melhor tempo das eliminatórias. O Brasil ainda participou do K4 1000 m e ficou de fora da final assim como Edson Silva no caiaque individual K1 200 m.

ISINBAYEVA DIZ ADEUS ÀS PISTAS

Gregory Bull/AP



Yelena Isinbayeva anuncia aposentadoria e elogia o brasileiro Thiago Braz

A saltadora russa Yelena Isinbayeva anunciou hoje sua retirada das pistas. Bicampeã olímpica e tricampeã mundial no salto com vara a russa foi eleita para integrar a Comissão de Atletas do COI. Isinbayeva não pôde competir nos Jogos Olímpicos devido à punição que a Wada aplicou na delegação de atletismo. Na coletiva fez questão de elogiar o brasileiro Thiago Braz, campeão olímpico do salto com vara e que foi treinado por Vitaly Petrov, seu técnico afirmando que ele vai bater em breve o recorde mundial da prova.

O CASTIGO DA MENTIRA

AFP



Ryan Lochte pediu desculpas, mas ele corre o risco de ser punido pelo COI

O COI resolveu abrir investigação disciplinar contra os nadadores americanos, especialmente Ryan Lochte por causa do incidente entre eles ocorrido após eles competirem na Olimpíada. As possíveis punições aos atletas variam de suspensões ou em caso extremo a perda da medalha. Lochte pediu desculpas dizendo que deveria ter mais responsabilidade. E atletas da Austrália e Grã Bretanha sofreram assaltos. O nadador australiano Joshua Palmer foi abordado por um homem que o obrigou a sacar R$ 1000, mas ele não registrou ocorrência.

EUA E SÉRVIA DECIDEM TORNEIO DE BASQUETE

Andrej Isakovic e Mark Ralston/AFP 

O norte-americano Kevin Durant pula em direção à cesta, observado por jogadores dos Estados Unidos e da Espanha Foto: MARK RALSTON / AFP

Stefan Markovic foi um dos destaques da Sérvia na partida (Foto: Andrej Isakovic/AFP)

Kevun Durant voa para cravar a bola na cesta: americanos passam pelos espanhóis e vão decidir contra a Sérvia que aniquilou a Austrália

A seleção americana de basquete masculino confirmou o favoritismo e passou pela Espanha na semifinal vencendo o jogo de forma apertada: 82 x 76. O adversário na decisão será o time da Sérvia que atropelou a Austrália por 87 x 61. A partida será no domingo e é o último evento da Olimpíada.

O desempenho dos demais brasileiros

Yasuyoshi Chiba/AFP



- Yane Marques não conseguiu repetir o desempenho que a levou para a medalha em Londres e ficou na 23ª posição no pentatlo moderno feminino. A brasileira não foi bem na esgrima e teve resultados irregulares nas outras provas.

- Na plataforma de 10 m Hugo Parisi avançou à semifinal com o 13º lugar.

- No golfe Mirian Nagl subiu para o 54º lugar geral e Victoria Lovelady está em 57º. Neste sábado o torneio termina com a volta final.

- O hipismo ficou sem medalhas no torneio individual. O melhor brasileiro foi Álvaro de Miranda Netto, o Doda que terminou na nona colocação. Pedro Veniss foi o 16º colocado.

- No nado sincronizado a equipe brasileira repetiu o sexto lugar e fechou na mesma colocação.

- A seleção feminina de polo aquático ficou na oitava colocação ao perder para a China por 10 x 5.

- O Brasil conseguiu clasificação na final do revezamento 4 x 400 devido à desclassificação da Grã Bretanha e ficou com o oitavo tempo. Na marcha atlética 50 km o melhor brasileiro foi Caio Bonfim que foi o oitavo colocado, Jonathan Rieckmann foi o 28º e Mário José dos Santos não terminou a prova. Na marcha atlética feminina de 20 km a brasileira Erica Sena foi a sétima colocada e Cislane Lopes foi a 49ª colocada. Na final do arremesso de peso Wagner Domingos ficou na 12ª colocação.

- Na ginástica rítmica Natália Gaudio ficou em 23º lugar e não foi para a final do individual geral.

- No ciclismo BMX a brasileira Priscila Carnaval foi a última colocada em sua série e não chegou à semifinal.

A final do handebol masculino será entre Dinamarca e França. Os dinamarqueses venceram na prorrogação a Polônia por 29 x 28 e a França bateu a Alemanha por 29 a 28 e vai tentar o tricampeonato olímpico.

BOLT CONQUISTA SEU NONO OURO OLÍMPICO E FAZ HISTÓRIA

Lucy Nicholson/ Reuters



Usan Bolt corre para fazer história e vencer sua nona prova em Olimpíadas

Usain Bolt entrou definitivamente pra história do esporte ao vencer na noite desta sexta o revezamento 4 x 100 com a Jamaica. Em nove finais olímpicas ele venceu todas. Realmente vai fazer grande falta o raio das pistas. O Japão surpreendeu e ficou com a prata e o bronze foi do Canadá pois os Estados Unidos foram desclassificados por pisar fora da linha de balizamento. O Brasil terminou a prova na sexta colocação.

ATROPELO BRASILEIRO E VÔLEI CHEGA À QUARTA FINAL OLÍMPICA

Ricardo Moraes/Reuters



O Brasil deu uma aula de vôlei e depois de passar por dificuldades ressuscitou e embalado pela força da torcida venceu a Rússia com um atropelo: 3 sets a 0 e no domingo vai buscar sua terceira medalha de ouro encarando a Itália que na outra semifinal derrotou a seleção dos Estados Unidos por 3 sets a 2.

Quadro de medalhas

PAÍSES
Medalhas Estados UnidosEUA383532105
Medalhas Grã-BretanhaGBR24221460
Medalhas ChinaCHN22182565
15ºMedalhas BrasilBRA55515

CLICK OLÍMPICO DO DIA

Reuters

Reuters

Nesse 19 de agosto de 2016 Usain Bolt conquista seu último ouro olímpico e sai de cena. Rápido como um raio ele não deixou sombras e venceu pela terceira vez os 100, 200 e o revezamento 4 x 100.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A Bela do Domingo: Flávia Alvarenga

Em sua penúltima edição, o quadro A Bela do Domingo traz hoje a jornalista Flávia Alvarenga.



Formada em Jornalismo pela Universidade de Brasília, Flávia Alvarenga está há dez anos na Rede Globo de Brasília e começou sua carreira sendo produtora de reportagem no DF TV 1ª edição em 2002, ano em que se formou.









Em 2004 o formato da previsão do tempo foi mudado e Flávia assumiu a apresentação do quadro nos telejornais locais. Em 2005 passa a fazer reportagens de rua e acumula ainda a apresentação do bloco local do Globo Esporte até outubro de 2008. A jornalista também pode ser vista eventualmente na previsão do tempo do Jornal Nacional e nos outros telejornais. Atualmente está à frente do Bom Dia DF, telejornal que vai ao ar às 6:30 da manhã.

No domingo que vem tem a última Bela do Domingo da temporada de 2011.

A Bela do Domingo: Cecília Malan

O quadro A Bela do Domingo de hoje traz a jornalista Cecília Malan.



Maria Cecília Malan nasceu em 16 de abril de 1983 e se formou em jornalismo pela PUC do Rio. Filha do ex-ministro da Fazenda Pedro Malan já morou em Nova York, Washington, Paris e Brasília quando decidiu voltar ao Brasil em 2002.









Em 2005 inicia carreira como estagiária do Bom Dia Brasil e depois virou trainee. Em 2007 se torna editora do noticiário internacional e desde 2011 atua no escritório da Globo em Londres. Primeiramente como produtora e depois passou a dividir reportagens. Dentre as coberturas mais importantes destaca - se a dos atentados ocorridos em janeiro de 2015 ao jornal Charlie Hebdo quando foi alvo de críticas nas redes sociais devido à sua demonstração de ficar com medo ao ouvir disparos de armas de fogo. E desde então participa do Bom Dia Brasil e dos demais telejornais da casa com entradas ao vivo da capital inglesa.

Semana que vem tem mais.

A Bela do Domingo: Izabella Camargo

O quadro A Bela do Domingo de hoje traz a jornalista Izabella Camargo.



Seu nome de batismo é Izabella Spaggiari Brazil Camargo, nascida em Apucarana em 1º de fevereiro de 1981. Aos 16 anos deixou sua cidade natal e veio para São Paulo onde foi uma das garotas do programa de games Fantasia no SBT entre 1997 e 1999.





Fez curso no Senac de rádio e TV, fez jornalismo na Faculdade São Judas Tadeu e pós graduação e marketing na Faculdade Cásper Líbero. Em 2003 fez programas de entretenimento na rádio Energia 97, depois na Jovem Pan. Em 2005 integrou o time de apresentadores do canal Shop Tour e em janeiro de 2006 passou a integrar o time de locutores do canal de notícias Band News onde ficou até 2009. Voltou ao SBT onde apresentou por uma semana o extinto Olha Você. Em junho do mesmo ano passou a fazer parte da equipe de jornalismo da Rede Bandeirantes.





Durante os três anos em que esteve na emissora participou do rodízio de apresentadores do Jornal da Band e ao mesmo tempo cobrindo as férias…

A Bela do Domingo: Lana Canepa

O quadro A Bela do domingo de hoje traz a jornalista Lana Canepa.


Lana Karine Prieto Canepa Mundim iniciou carreira no jornalismo como produtora, repórter e editora em uma emissora afiliada da Rede Globo no Mato Grosso e Mato Grosso do Sul cobrindo assuntos de Brasília.









Em 2005 apresentou o programa independente Beleza em Foco na TV Brasília. Em 2007 se forma em Ciência Política na UnB, em 2010 se torna repórter da Globo Brasília cobrindo acontecimentos locais. Em 2012 em sua primeira passagem pela Band se torna editora e repórter do Jornal da Band, logo depois se mudou pra Curitiba onde foi professora da PUC e trabalhou para o jornal Gazeta do Povo até 2016 quando passou pela TV Justiça e depois retornou para a Band voltando a atuar como repórter de política do Jornal da Band. O seu desempenho fez com que a direção de jornalismo do canal a escolhesse para cobrir recentemente as férias de Paloma Tocci e possivelmente a licença maternidade em breve.

Semana que vem tem mais.

A Bela do Domingo: Bruna Roma

O quadro A Bela do Domingo está de volta e para abrir a temporada 2014 a primeira homenageada é a jornalista Bruna Roma.



Bruna Silva Roma nasceu em 23 de fevereiro de 1988 em Guaratinguetá, no interior do estado de São Paulo onde viveu até os 20 anos. Cursou Comunicação Social com habilitação para Jornalismo em Taubaté e em 2009 participa do programa de estagiários da Rede Globo. Durante o estágio dividiu o trabalho na capital paulista e a universidade no interior onde se forma em 2010.















Em 2010 logo que se formou passou a fazer parte da equipe de repórteres da Globo de São Paulo e ficou durante dois anos. Em janeiro de 2012 se muda pra Fortaleza onde começa a trabalhar na TV Verdes Mares, afiliada da Rede Globo na capital cearense, três meses depois apresentou um quadro de diversão e arte no telejornal CE TV 1ª edição e em julho do mesmo ano assumiu a apresentação do Encanta Ceará que homenageia os artistas que se destacam no estado. Em julho do ano passado deixa a Verdes Mares e reto…

A Bela do Domingo: Marisy Idalino

O quadro A Bela do Domingo de hoje traz a atriz e apresentadora Marisy Idalino.



Nascida em 10 de maio de 1984 em Osasco, Marisy Idalino iniciou no balé e aos 15 anos inicia carreira no teatro. Aos 17 anos se muda pra São Paulo onde tenta fazer a faculdade de Direito, mas faltando dois anos desiste e retorna para o teatro.









Fez testes publicitários e passou para um deles na TV Gazeta onde ficou por três meses fazendo merchandising no programa Todo Seu com Ronnie Von. Depois passou por Mega TV, Record e Bandeirantes até que em 2012 ela retornou à Gazeta, primeiro no TV Culinária e depois como stand by nos programas Você Bonita, Mulheres e Revista da Cidade. Chegou a namorar com o ator Rodrigo Phavanello, mas o casamento foi cancelado a poucos dias de ser realizado.

Semana que vem tem mais.

A Bela do Domingo: Williane Rodrigues

O quadro A Bela do Domingo de hoje traz a jornalista Williane Rodrigues.



Nascida na capital federal em 10 de junho de 1981, Williane Rodrigues queria ser atriz, chegou inclusive a encenar peças, mas acabou indo para o jornalismo e antes mesmo de se formar já exercia a profissão estagiando na TV Bandeirantes e na Radiobras. Em 2002 já formada pelo CEUB inicia carreira como repórter na TV Brasília.











Poucos meses depois começou a apresentar telejornais na casa. Três anos mais tarde se muda pro SBT onde se torna editora e apresentadora do Cidade Viva. Em 2007 se torna repórter de rede para o SBT Brasil onde trazia reportagens sobre política. No fim de 2008 assume o projeto de revitalização do jornalismo local da emissora apresentando o Jornal do SBT Brasília e desde agosto de 2013 assume o comando do SBT Brasília substituindo Neila Medeiros trazendo interatividade e levando a notícia de uma forma diferenciada. Ano passado ao comentar uma notícia de que uma adolescente jogou um gato da jane…

A Bela do Domingo: Lizandra Trindade

O quadro A Bela do Domingo de hoje traz a jornalista Lizandra Trindade.



A carioca Lizandra Trindade começou a atuar no jornalismo em 2007 quando iniciou carreira como repórter do programa Agenda na Globo News.









Foram quatro anos fazendo reportagens e entrevistas com artistas. Em maio de 2010 se tornou repórter do Globo Universidade no lugar de Bianca Rothier que se mudou pra Suíça. Foram três anos apresentando reportagens sobre as profissões e o mercado de trabalho. Ano passado começou a trabalhar com esporte e atualmente é uma das repórteres da equipe da Globo no Rio de Janeiro e na maioria das vezes tem reportagens suas no Globo Esporte.

Semana que vem tem mais.

A Bela do Domingo: Mariana Becker

O quadro A Bela do Domingo de hoje traz a jornalista Mariana Becker.


Há 18 anos na Rede Globo, a jornalista gaúcha de 41 anos já viajou por 34 países desde 2007 quando passou a acompanhar o mundo da Fórmula 1.













Com carreira iniciada em 1995 na área geral, depois passando para o esporte a repórter chegou a participar de três edições do Rali dos Sertões, sendo duas delas pilotando. A sua experiência acabou levando a jornalista ao mundo da F1 a partir de 2007 quando foi escalada pela primeira vez. Desde então ela superou preconceitos e mesmo assim recebeu poucas cantadas por parte de colegas do mundo. Hoje em Interlagos, Mariana estará com o time da Globo na transmissão do Grande Prêmio do Brasil, prova que encerra a temporada 2013. Ela é casada com o produtor Jayme Britto e mora em Mônaco desde 2008.

Semana que vem tem mais.

A Bela do Domingo: Fernanda de Freitas

O quadro A Bela do Domingo de hoje traz a atriz Fernanda de Freitas.



Nascida em São José do Rio Preto em 25 de fevereiro de 1980 Fernanda de Freitas foi professora de balé por cinco anos e aos 19 anos deixou a academia onde lecionava para tentar a sorte no Rio de Janeiro e seu começo de carreira foi como uma das Garotas do Zodíaco no extinto Planeta Xuxa. A partir daí ela não deixou mais de aparecer na telinha.





Em 2002 fez sua primeira novela, Coração de Estudante no papel de Heloísa e no ano seguinte foi uma das apresentadoras da TV Globinho e fez participação em Kubanacan como Consuelo. Em 2004 fez o papel de Amanda em Como uma onda. Em 2005 fez o papel de Cathy mc Gould em Bang Bang, depois fez Pé na Jaca e Negócio da China.



A partir de então se dedica a participar de séries e programas como A Turma do Didi, S.O.S Emergência e Tapas e Beijos num papel de destaque além de reencarnar a personagem Marina da Glória que foi interpretada por Tássia Camargo na releitura da Escolinha do Pr…