Pular para o conteúdo principal

Retrospectiva 2014: São Paulo sofre com crise hídrica, cinegrafista morre em protesto e morte estúpida do menino Bernardo marcam ano no país

A Retrospectiva 2014 prossegue e hoje é dia de falarmos de noticiário nacional. Um ano repleto de acontecimentos inimagináveis. Este ano São Paulo sofreu como nunca com a crise no abastecimento de água, no Rio os protestos vitimaram o cinegrafista Santiago Andrade e no Rio Grande do Sul uma cidade enlutada com a morte estúpida do menino Bernardo.

Um estado à mercê dos presos





Ana Clara foi uma vítima da leniência do governo maranhense e o presídio de Pedrinhas convive com mortes bárbaras lembrando a Idade Média. 

O estado do Maranhão foi palco logo no começo do ano de um cenário bárbaro que lembrou a Idade Média. O presídio de Pedrinhas foi palco de 17 assassinatos de presos durante o ano. As mortes são carregadas de requintes de crueldade com mutilações e degolações num verdadeiro ato de insanidade. Em 2013 62 presos morreram em Pedrinhas, o que mostra a falência do sistema prisonal brasileiro. Pedrinhas representa bem isso, pois o presídio é dominado por facções criminosas em guerra dentro de uma estrutura precária. E o estado foi palco também de uma morte cruel. Logo no dia 3 de janeiro a pequena Ana Clara de apenas 6 anos foi queimada viva dentro do ônibus e morreu três dias depois. Mesmo com o aparato da Força Nacional de Segurança as rebeliões continuaram.

A morte em pleno protesto







O momento em que o rojão atinge em cheio a cabeça de Santiago que morre: a ativista Sininho que integrava os Black Blocs estava envolvida, foi detida e liberada depois

Antes da Copa do Mundo o país vivia uma onda de protestos. Em 6 de fevereiro era realizado mais um protesto, desta vez contra o aumento das tarifas de ônibus na Central do Brasil no Rio de Janeiro. O cinegrafista Santiago Andrade da TV Bandeirantes estava lá à trabalho para fazer as filmagens, quando de repente um rojão disparado por um dos manifestantes atinge a cabeça do cinegrafista que cai desacordado. Levado em estado grave ao hospital Souza Aguiar ele morre quatro dias depois. Sua morte gera revolta por parte das autoridades e a Polícia investiga o caso achando dois suspeitos de terem disparado o artefato contra Santiago. O artefato foi lançado à cinco metros de distância e a Polícia atribui o caso aos Black Blocs, os radicais que causam destruição. Dois deles foram presos e aguardam julgamento: já Elisa Quadros, a Sininho chegou a ser presa, mas foi liberada.

A morte na flor da idade para o pequeno Bernardo





Bernardo, vítima do casal do mal: o pai e a madrasta são os principais suspeitos de terem matado o menino

Mais um crime que chocou o país este ano envolveu crianças. O menino Bernardo Boldrini tinha apenas 11 anos e sua morte brutal chocou o país. Bernardo morava na cidade de Três Passos e seu corpo foi encontrado no dia 4 de abril na cidade de Frederico Westphalen. A Polícia suspeitou de que o pai do garoto e a madrasta estavam envolvidos. Leandro Boldrini e Graciele Ugulini foram presos dias depois do crime. Outros dois suspeitos foram presos logo depois e todos respondem pelos crimes de ocultação de cadáver e homicídio qualificado. Cada um tem sua versão do crime: o pai e o motorista dizem não ter ligação com o crime, a assistente social que foi presa disse que não teve participação e a madrasta deu a desculpa esfarrapada de que ele morreu vítima de ingestão de medicamentos. Nos meses que se seguiram as investigações apontaram que antes da morte Bernardo discutiu com o pai e a madrasta mostrando que a vida dele era um inferno. Os acusados esperam julgamento.

Tragédias cotidianas que marcaram o Brasil



- 28 de janeiro: Na Linha Amarela um caminhão com a caçamba levantada derrubou uma passarela e matou cinco pessoas.

- 22 de abril: O dançarino Douglas Pereira é encontrado morto na favela Pavão Pavaozinho. Durante o ano houve vários confrontos entre PMs e traficantes nas UPPs.



- 2 de maio: Um torcedor do Sport é morto no estádio do Arruda ao ser atingido por um vaso sanitário.





- 3 de julho: Um viaduto desaba em Belo Horizonte matando duas pessoas. A empresa responsável pelo projeto foi acusada de cometer falhas na execução da obra.

Fim da linha para o médico monstro



Escoltado por policiais federais Roger Abdelmassih é conduzido até a carceragem: fim de uma caçada que durou três anos

Roger Abdelmassih, que um dia foi considerado um dos papas da fertilização in vitro no Brasil agora é um monstro enfim na cadeia. Foragido da justiça desde 2011 ele vivia no Paraguai e com a eficiência da Polícia foi localizado e extraditado ao Brasil em 19 de agosto. Ele havia sido condenado a mais de 270 anos de prisão por estuprar 19 mulheres que tiveram o sonho de serem mães frustrados. Um triste fim para o médico que um dia era o melhor, mas que virou o monstro.

Brasília anormal



Funcionário do Saint Paul feito refém pelo sequestrador, só que a arma era de brinquedo

Dois casos em menos de dois meses causaram rebuliço na capital do país. Primeiro em 29 de setembro quando um maluco invadiu o Hotel Saint Paul fazendo vários funcionários reféns durante sete horas. Ele acabou preso. Menos de dois meses depois um outro lunático tentou invadir o Palácio do Buriti e fez uma mulher refém. O ato insano durou menos de uma hora.

Os serial killers que aterrorizaram o país





Tiago e Saílson: mentalidades perturbadas e mesmo objetivo; matar

Dois monstros na forma de gente aterrorizaram o país em 2014. Em Goiás o vigia Tiago Henrique da Rocha confessou ter matado 39 pessoas durante três anos. Já na Baixada Fluminense Saílson José das Graças confessou ter matado 42 pessoas e não se arrepende do que fez. E prometeu voltar ao crime após sair da prisão.

FATO DO ANO: A fonte secou em São Paulo





Um dos rios que abastece o sistema Cantareira completamente seco e com isso a população vai atrás de água para conter a crise: falta de planejamento causou a crise

Bem importantíssimo na vida das pessoas a água virou este ano um item raro em São Paulo. A falta de chuvas abundantes e erros no planejamento fizeram dessa seca a pior do século, lembrando o semiárido nordestino. O Sistema Cantareira, o mais importante reservatório hídrico do estado foi severamente atingido pela seca. Para abastecer uma cidade com mais de 10 milhões de pessoas na região metropolitana o Sistema Cantareira tinha no começo do ano 10% e foi diminuindo gradativamente a partir de maio quando as chuvas escassearam. No verão o calor intenso levou muita gente aos clubes para se refrescarem. Mas ao mesmo tempo o nível dos reservatórios começou a cair e em maio atingiu 9%, o nível mais crítico. Assim a Sabesp, companhia de água decidiu pelo racionamento de água em vários pontos da região. Mesmo sabendo da crise o governador Geraldo Alckmin dizia que não havia problemas no fornecimento de água. Chegou a cogitar - se o uso do volume morto que fica abaixo das comportas para suprir a falta de água. As obras emergenciais não surtiram efeito e acabaram agravando o problema fazendo com que os níveis dos rios Alto Tietê e Claro chegassem a 7%. A ANA (Agência Nacional das Águas) decidiu retirar a segunda cota do volume morto para garantir o abastecimento de água, mas a medida não surtiu efeito assim como a construção de duas estações para produzir água em reúso que captariam esgoto e transformariam em água potável. Com o fracasso das medidas, Alckmin foi até o Palácio do Planalto pedir recursos ao governo para combater o problema. Os recursos seriam de R$ 3,5 bilhões para realizar as obras, e olha que ele negou que não havia crise. E aí governador, de quem é a culpa pela crise hídrica?

A retrospectiva prossegue e nesta quinta o noticiário internacional.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A Bela do Domingo: Flávia Alvarenga

Em sua penúltima edição, o quadro A Bela do Domingo traz hoje a jornalista Flávia Alvarenga.



Formada em Jornalismo pela Universidade de Brasília, Flávia Alvarenga está há dez anos na Rede Globo de Brasília e começou sua carreira sendo produtora de reportagem no DF TV 1ª edição em 2002, ano em que se formou.









Em 2004 o formato da previsão do tempo foi mudado e Flávia assumiu a apresentação do quadro nos telejornais locais. Em 2005 passa a fazer reportagens de rua e acumula ainda a apresentação do bloco local do Globo Esporte até outubro de 2008. A jornalista também pode ser vista eventualmente na previsão do tempo do Jornal Nacional e nos outros telejornais. Atualmente está à frente do Bom Dia DF, telejornal que vai ao ar às 6:30 da manhã.

No domingo que vem tem a última Bela do Domingo da temporada de 2011.

A Bela do Domingo: Cecília Malan

O quadro A Bela do Domingo de hoje traz a jornalista Cecília Malan.



Maria Cecília Malan nasceu em 16 de abril de 1983 e se formou em jornalismo pela PUC do Rio. Filha do ex-ministro da Fazenda Pedro Malan já morou em Nova York, Washington, Paris e Brasília quando decidiu voltar ao Brasil em 2002.









Em 2005 inicia carreira como estagiária do Bom Dia Brasil e depois virou trainee. Em 2007 se torna editora do noticiário internacional e desde 2011 atua no escritório da Globo em Londres. Primeiramente como produtora e depois passou a dividir reportagens. Dentre as coberturas mais importantes destaca - se a dos atentados ocorridos em janeiro de 2015 ao jornal Charlie Hebdo quando foi alvo de críticas nas redes sociais devido à sua demonstração de ficar com medo ao ouvir disparos de armas de fogo. E desde então participa do Bom Dia Brasil e dos demais telejornais da casa com entradas ao vivo da capital inglesa.

Semana que vem tem mais.

A Bela do Domingo: Izabella Camargo

O quadro A Bela do Domingo de hoje traz a jornalista Izabella Camargo.



Seu nome de batismo é Izabella Spaggiari Brazil Camargo, nascida em Apucarana em 1º de fevereiro de 1981. Aos 16 anos deixou sua cidade natal e veio para São Paulo onde foi uma das garotas do programa de games Fantasia no SBT entre 1997 e 1999.





Fez curso no Senac de rádio e TV, fez jornalismo na Faculdade São Judas Tadeu e pós graduação e marketing na Faculdade Cásper Líbero. Em 2003 fez programas de entretenimento na rádio Energia 97, depois na Jovem Pan. Em 2005 integrou o time de apresentadores do canal Shop Tour e em janeiro de 2006 passou a integrar o time de locutores do canal de notícias Band News onde ficou até 2009. Voltou ao SBT onde apresentou por uma semana o extinto Olha Você. Em junho do mesmo ano passou a fazer parte da equipe de jornalismo da Rede Bandeirantes.





Durante os três anos em que esteve na emissora participou do rodízio de apresentadores do Jornal da Band e ao mesmo tempo cobrindo as férias…

A Bela do Domingo: Lana Canepa

O quadro A Bela do domingo de hoje traz a jornalista Lana Canepa.


Lana Karine Prieto Canepa Mundim iniciou carreira no jornalismo como produtora, repórter e editora em uma emissora afiliada da Rede Globo no Mato Grosso e Mato Grosso do Sul cobrindo assuntos de Brasília.









Em 2005 apresentou o programa independente Beleza em Foco na TV Brasília. Em 2007 se forma em Ciência Política na UnB, em 2010 se torna repórter da Globo Brasília cobrindo acontecimentos locais. Em 2012 em sua primeira passagem pela Band se torna editora e repórter do Jornal da Band, logo depois se mudou pra Curitiba onde foi professora da PUC e trabalhou para o jornal Gazeta do Povo até 2016 quando passou pela TV Justiça e depois retornou para a Band voltando a atuar como repórter de política do Jornal da Band. O seu desempenho fez com que a direção de jornalismo do canal a escolhesse para cobrir recentemente as férias de Paloma Tocci e possivelmente a licença maternidade em breve.

Semana que vem tem mais.

A Bela do Domingo: Bruna Roma

O quadro A Bela do Domingo está de volta e para abrir a temporada 2014 a primeira homenageada é a jornalista Bruna Roma.



Bruna Silva Roma nasceu em 23 de fevereiro de 1988 em Guaratinguetá, no interior do estado de São Paulo onde viveu até os 20 anos. Cursou Comunicação Social com habilitação para Jornalismo em Taubaté e em 2009 participa do programa de estagiários da Rede Globo. Durante o estágio dividiu o trabalho na capital paulista e a universidade no interior onde se forma em 2010.















Em 2010 logo que se formou passou a fazer parte da equipe de repórteres da Globo de São Paulo e ficou durante dois anos. Em janeiro de 2012 se muda pra Fortaleza onde começa a trabalhar na TV Verdes Mares, afiliada da Rede Globo na capital cearense, três meses depois apresentou um quadro de diversão e arte no telejornal CE TV 1ª edição e em julho do mesmo ano assumiu a apresentação do Encanta Ceará que homenageia os artistas que se destacam no estado. Em julho do ano passado deixa a Verdes Mares e reto…

A Bela do Domingo: Marisy Idalino

O quadro A Bela do Domingo de hoje traz a atriz e apresentadora Marisy Idalino.



Nascida em 10 de maio de 1984 em Osasco, Marisy Idalino iniciou no balé e aos 15 anos inicia carreira no teatro. Aos 17 anos se muda pra São Paulo onde tenta fazer a faculdade de Direito, mas faltando dois anos desiste e retorna para o teatro.









Fez testes publicitários e passou para um deles na TV Gazeta onde ficou por três meses fazendo merchandising no programa Todo Seu com Ronnie Von. Depois passou por Mega TV, Record e Bandeirantes até que em 2012 ela retornou à Gazeta, primeiro no TV Culinária e depois como stand by nos programas Você Bonita, Mulheres e Revista da Cidade. Chegou a namorar com o ator Rodrigo Phavanello, mas o casamento foi cancelado a poucos dias de ser realizado.

Semana que vem tem mais.

A Bela do Domingo: Williane Rodrigues

O quadro A Bela do Domingo de hoje traz a jornalista Williane Rodrigues.



Nascida na capital federal em 10 de junho de 1981, Williane Rodrigues queria ser atriz, chegou inclusive a encenar peças, mas acabou indo para o jornalismo e antes mesmo de se formar já exercia a profissão estagiando na TV Bandeirantes e na Radiobras. Em 2002 já formada pelo CEUB inicia carreira como repórter na TV Brasília.











Poucos meses depois começou a apresentar telejornais na casa. Três anos mais tarde se muda pro SBT onde se torna editora e apresentadora do Cidade Viva. Em 2007 se torna repórter de rede para o SBT Brasil onde trazia reportagens sobre política. No fim de 2008 assume o projeto de revitalização do jornalismo local da emissora apresentando o Jornal do SBT Brasília e desde agosto de 2013 assume o comando do SBT Brasília substituindo Neila Medeiros trazendo interatividade e levando a notícia de uma forma diferenciada. Ano passado ao comentar uma notícia de que uma adolescente jogou um gato da jane…

A Bela do Domingo: Lizandra Trindade

O quadro A Bela do Domingo de hoje traz a jornalista Lizandra Trindade.



A carioca Lizandra Trindade começou a atuar no jornalismo em 2007 quando iniciou carreira como repórter do programa Agenda na Globo News.









Foram quatro anos fazendo reportagens e entrevistas com artistas. Em maio de 2010 se tornou repórter do Globo Universidade no lugar de Bianca Rothier que se mudou pra Suíça. Foram três anos apresentando reportagens sobre as profissões e o mercado de trabalho. Ano passado começou a trabalhar com esporte e atualmente é uma das repórteres da equipe da Globo no Rio de Janeiro e na maioria das vezes tem reportagens suas no Globo Esporte.

Semana que vem tem mais.

A Bela do Domingo: Mariana Becker

O quadro A Bela do Domingo de hoje traz a jornalista Mariana Becker.


Há 18 anos na Rede Globo, a jornalista gaúcha de 41 anos já viajou por 34 países desde 2007 quando passou a acompanhar o mundo da Fórmula 1.













Com carreira iniciada em 1995 na área geral, depois passando para o esporte a repórter chegou a participar de três edições do Rali dos Sertões, sendo duas delas pilotando. A sua experiência acabou levando a jornalista ao mundo da F1 a partir de 2007 quando foi escalada pela primeira vez. Desde então ela superou preconceitos e mesmo assim recebeu poucas cantadas por parte de colegas do mundo. Hoje em Interlagos, Mariana estará com o time da Globo na transmissão do Grande Prêmio do Brasil, prova que encerra a temporada 2013. Ela é casada com o produtor Jayme Britto e mora em Mônaco desde 2008.

Semana que vem tem mais.

A Bela do Domingo: Fernanda de Freitas

O quadro A Bela do Domingo de hoje traz a atriz Fernanda de Freitas.



Nascida em São José do Rio Preto em 25 de fevereiro de 1980 Fernanda de Freitas foi professora de balé por cinco anos e aos 19 anos deixou a academia onde lecionava para tentar a sorte no Rio de Janeiro e seu começo de carreira foi como uma das Garotas do Zodíaco no extinto Planeta Xuxa. A partir daí ela não deixou mais de aparecer na telinha.





Em 2002 fez sua primeira novela, Coração de Estudante no papel de Heloísa e no ano seguinte foi uma das apresentadoras da TV Globinho e fez participação em Kubanacan como Consuelo. Em 2004 fez o papel de Amanda em Como uma onda. Em 2005 fez o papel de Cathy mc Gould em Bang Bang, depois fez Pé na Jaca e Negócio da China.



A partir de então se dedica a participar de séries e programas como A Turma do Didi, S.O.S Emergência e Tapas e Beijos num papel de destaque além de reencarnar a personagem Marina da Glória que foi interpretada por Tássia Camargo na releitura da Escolinha do Pr…