domingo, 7 de dezembro de 2014

Palmeiras escapa da degola e futebol baiano sofre com o rebaixamento de Bahia e Vitória

Foi sofrimento sem fim, mas no fim apenas os alviverdes sorriram aliviados. Por outro lado a Bahia e o torcedor apaixonado sofre com os rebaixamentos de Bahia e Vitória. Assim terminou o Brasileirão 2014.

PALMEIRAS ESCAPA DE NOVO REBAIXAMENTO NO ANO DO CENTENÁRIO

Evelson de Freitas/AE e Getty Images

Evelson de Freitas/Estadão



Henrique comemora o gol que livrou o Palmeiras de uma nova queda: time vai passar por reformulação depois de um ano horrível

O ano do centenário alviverde e da inauguração da nova arena não poderia terminar com mais uma mancha negra de uma história tão rica. Mais de 33 mil pessoas comapreceram ao Allianz Parque e sofreram como nunca. O jogo com o Atlético Paranaense terminou empatado por 1 x 1. Henrique marcou o primeiro gol do clube na nova casa e a agonia terminou com o gol de Thiago Ribeiro para o Santos que garantiu a permanência na Série A. Fim de temporada para um time que por pouco não cai novamente num ano em que teve muitos erros, dentre eles um técnico argentino (Ricardo Gareca) e sucessivas derrotas. Paulo Nobre terá de reformar tudo, começar do zero e montar um time decente pois o torcedor alviverde não merece isso.

ALEX DIZ ADEUS AO FUTEBOL E COXA REBAIXA BAHIA

Fotos de Heuler Andrey/Getty Images



Coritiba x Bahia, Alex se despede do futebol  (Foto: Heuler Andrey / Getty Images)

Alex entra pela última vez em um gramado e sai de campo ovacionado: ele pendura a chuteira e Coxa rebaixa o Bahia

O futebol brasileiro ficou menos refinado neste domingo com a aposentadoria de Alex, que aos 37 anos pendurou as chuteiras. Depois de uma brilhante carreira de 1035 partidas, 422 gols e 19 anos de carreira, Alex se despediu no Couto Pereira com uma vitória brilhante sobre o Bahia. Os baianos chegaram a abrir 2 x 0 no placar, mas o Coxa reagiu e conseguiu a virada com o gol marcado por Keirrison aos 50 minutos, um gol que foi fatal e que decretou o rebaixamento do Bahia.

VITÓRIA PERDE NO FIM E TAMBÉM É REBAIXADO

Felipe Oliveira/Getty Images



Jogador do Vitória deita no gramado do Barradão e lamenta o rebaixamento do rubro negro

Pra completar o triste domingo do futebol baiano o Vitória tropeçou nos próprios erros e na ansiedade e tomou o castigo do Santos ao perder por 1 x 0 dentro do Barradão com gol de Thiago Ribeiro nos acréscimos. Assim como o Bahia o Vitória cai junto e o futebol baiano fica sem representante na elite. Pra Ney Franco uma temporada pra ser esquecida, e se ele tivesse ficado no Flamengo também rebaixaria o clube?

Fotos EFE

Cruzeiro x Fluminense, Marcelo Moreno (Foto: EFE)


Marcelo Moreno acerta um belo voleio e decreta a virada do campeão Cruzeiro

Por outro lado o Cruzeiro fez festa mais uma vez no Mineirão e com direito a um golaço de Marcelo Moreno venceu de virada o Fluminense por 2 x 1. O consolo duplo para o tricolor foi fazer o artilheiro do campeonato, Fred que marcou seu 18º gol e a vaga direta na Copa do Brasil. O time mineiro recebeu a taça de campeão com o recorde de pontos desde que o campeonato passou a ser disputado por 20 equipes em 2006 somando 80 pontos.

Nos demais jogos o Botafogo terminou de forma melancólica sua participação ao empatar sem gols com o Atlético Mineiro por 0 x 0, o Flamengo empatou com o Grêmio por 1 x 1, o São Paulo perdeu para o Sport por 1 x 0 e o Goiás derrotou a Chapecoense por 4 x 2.

Situação final depois de 38 rodadas

- Libertadores: Cruzeiro, São Paulo, Internacional, Corinthians e Atlético Mineiro;

- Na Copa do Brasil: Fluminense

- Sobra: Grêmio, Flamengo, Santos, Atlético Paranaense, Sport, Goiás, Figueirense, Coritiba, Chapecoense e Palmeiras

- Rebaixados: Bahia, Vitória, Botafogo e Criciúma

- Sobem da B pra A: Joinville, Ponte Preta, Vasco e Avaí (Santa Catarina com quatro times na elite).

A cobertura do Brasileirão termina aqui, o futebol brasileiro entra em férias a partir desta segunda e só volta em fevereiro para a disputa dos estaduais.

Um comentário:

Kleber Nunes disse...

E o Palmeiras demitiu Dorival Júnior e José Carlos Brunoro dando início ao processo de reformulação do elenco para a temporada 2015, pois o que ocorreu este ano é pra ser jogado no lixo. O Palmeiras ficou na elite, mas moralmente foi rebaixado.