domingo, 29 de junho de 2014

Holanda vira e elimina o México de forma espetacular

Felipe Dana e Javier Soriano/AP, Damien Meyer e Yuri Cortez/AFP e Mike Blake/Reuters

Giovani dos Santos celebra depois de abrir o placar contra a Holanda Foto: Felipe Dana / AP

Wesley Sneijder celebra após marcar o primeiro gol da Holanda na vitória sobre o México Foto: DAMIEN MEYER / AFP



O atacante Huntelaar vibra após marcar o pênalti que deu a vitória à Holanda sobre o México e garantiu a participação do time nas quartas de final da Copa Foto: JAVIER SORIANO / AFP



México saiu na frente, mas em oito minutos Holanda consegue a virada com gol marcado nos acréscimos

Parecia que o México ficaria com a vaga para as quartas de final da Copa e até os 43 minutos do segundo tempo estava com a vaga na mão. Foi aí que o talento dos jogadores da Holanda entrou em campo. O México vencia o jogo por 1 x 0, gol marcado por Giovani dos Santos. O calor intenso de 32º em Fortaleza fez com que o árbitro paralisasse a partida duas vezes para hidratação. Os mexicanos tiveram as melhores oportunidades no primeiro tempo e eperavam os erros holandeses. No começo da segunda etapa o México abriu o placar com um belo chute de fora da área de Giovani dos Santos. Depois a Holanda passou a dominar as ações encurralando o México em seu campo de defesa e o técnico Herrera colocou Aquino e tirou Giovani dos Santos para reforçar a defesa e acabou custando caro. Aos 43 minutos a classificação mexicana era quase certa, mas em bola cruzada por Robben a bola atravessou a área, a zaga cortou mal e Sneijder soltou a bomba pra empatar o jogo. A Holanda chegou à virada nos acréscimos. Robben invadiu a área e foi derrubado por Rafa Marquez. Pênalti cobrado e convertido por Huntelaar. Um castigo para o México que se preocupou em se defender e garantir o resultado e um prêmio para a persistência da Holanda que segue para as quartas de final e espera o vencedor de Grécia e Costa Rica.

HOLANDA 2 X 1 MÉXICO
Data: 29/06/2014 - 13h
Local: Castelão (Fortaleza)
Árbitro: Pedro Proença (POR)
Auxiliares: Bertino Miranda e Jose Trigo (Ambos de Portugal)
Cartões amarelos:  Aguilar e Guardado (MEX)
Gols: Giovani dos Santos (MEX), aos 3 minutos do 2º tempo, Sneijder (HOL), aos 44 minutos do 2º tempo e Snejider, aos 47 minutos do 2º tempo. 
Holanda: Cillessen, Vlaar, De Vrij, Blind, De Jong (Bruno Indi), Van Persie (Huntelaar), Sneijder, Robben, Verhaegh (Memphis), Kuyt, Wijnaldum.
Técnico: Van Gaal
México: Ochoa, Rodriguez, Salcido, Marquez, Herrera, Layun, Dos Santos (Aquino), Moreno (Reyes), Guardado, Peralta (Hernandéz), Aguilar
Técnico: Miguel Herrera

Nenhum comentário: